Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

60 mil pessoas terão Bolsa Família cortado em Junho!

O programa Bolsa Família foi cortado para 60 mil famílias em junho. Entenda os motivos e impactos dessa medida!

Recentemente, o Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social (MDS) colocou em destaque uma preocupante notícia para diversas famílias que dependem do programa Bolsa Família. A partir de junho, um número significativo de beneficiários não poderá contar com este suporte financeiro essencial.

Trata-se, portando, do bloqueio de pagamentos programado para ocorrer após o término dos depósitos de maio. Dessa forma, saiba mais informações sobre o motivos motivos que levaram ao corte e o que fazer para recuperar o direito de receber os repasses do governo!

Por que os pagamentos do Bolsa Família foram suspensos?

Cartão Bolsa Família com símbolo vermelho de proibido
Imagem: rafapress / shutterstock.com – Edição: Seu Crédito Digital

O Bolsa Família representa uma ajuda crucial para muitos brasileiros em situação de vulnerabilidade. O programa proporciona esses grupos o básico para sua subsistência com uma renda mínima de R$ 600 mensais. Esta quantia pode variar de acordo com a composição de cada família, tornando o programa adaptável às diferentes necessidades dos seus beneficiários.

Logo, a decisão de interromper os pagamentos a 67 mil beneficiários em maio e a outros 68 mil em junho surge após uma série de revisões no sistema.

Essas revisões têm como objetivo principal a atualização e correção de dados no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico), além do controle de frequência escolar das crianças inscritas no programa. Entre os critérios para o corte do benefício, estão:

  • Dados desatualizados no CadÚnico: manter as informações sempre atualizadas é crucial para a continuidade do recebimento do benefício;
  • Renda per capita excedendo o limite: a renda por membro da família não deve ultrapassar R$ 218. Caso contrário, a família pode ter o benefício interrompido;
  • Baixa frequência escolar: é necessário manter um mínimo de assiduidade escolar para que o benefício não seja bloqueado.

Outros fatores que influenciam no bloqueio

Além dos fatores já mencionados, a vacinação em dia das crianças, o acompanhamento nutricional para menores de 7 anos e o acompanhamento pré-natal para gestantes são requisitos que, se não atendidos, podem também resultar na suspensão temporária do Bolsa Família.

Essas medidas visam não apenas a manutenção da saúde e educação, mas também a integridade física e o bem-estar das famílias assistidas pelo programa.

Veja também:

Minha Casa Minha Vida: Projeto Garante 100% de energia solar em todas as unidades

Por fim, os beneficiários que tiveram o Bolsa Família bloqueado podem buscar orientação nos centros de assistência social ou diretamente no site do MDS. Desse modo, elas podem entender melhor os critérios e como podem regularizar sua situação.

Imagem: rafapress / shutterstock.com – Edição: Seu Crédito Digital