Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Atraso no BC: Pix Automático deve ficar só para 2025

Pix Automático: lançamento adiado para outubro de 2024, com chances de ser postergado para 2025. Saiba mais

O Banco Central (BC) adiou mais uma vez o lançamento do Pix Automático, ferramenta que permite agendar pagamentos recorrentes de forma automática. Assim, a nova data prevista para a estreia da funcionalidade é outubro de 2024, mas especialistas do mercado financeiro acreditam que o lançamento pode ser adiado novamente, possivelmente para 2025.

Em síntese, o Pix Automático é uma nova modalidade de pagamento via Pix que visa facilitar a vida dos consumidores e das empresas. Assim, com essa ferramenta, os usuários poderão autorizar pagamentos recorrentes, como contas de luz, água e telefone, sem a necessidade de realizar a transação manualmente a cada mês.

Veja também:

Menos de 30 dias: prazo para declarar o Imposto de Renda está perto do fim

Por que o lançamento foi adiado?

Portanto, o Banco Central adiou o lançamento do Pix Automático por diversos motivos, entre eles:

  • Complexidade da plataforma: a implementação do Pix Automático exige um grande esforço técnico por parte das instituições financeiras e do próprio Banco Central;
  • Ajustes regulatórios: o Banco Central ainda precisa finalizar os ajustes na regulamentação da nova modalidade de pagamento;
  • Dificuldades técnicas: algumas instituições financeiras ainda enfrentam dificuldades técnicas para implementar o Pix Automático em seus sistemas.
Celular com logo do pix, ao fundo uma tela de laptop com logo do Banco Central.
Imagem: Brenda Rocha – Blossom / shutterstock.com

Quais os benefícios do Pix Automático?

Assim, o Pix Automático trará diversos benefícios para os consumidores e para as empresas, como:

  • Maior praticidade: os usuários não precisarão mais se preocupar em realizar pagamentos recorrentes manualmente;
  • Redução do risco de inadimplência: as empresas terão mais facilidade em cobrar seus pagamentos;
  • Maior controle financeiro: os usuários poderão ter um maior controle sobre seus gastos.

Enfim, apesar do adiamento, o Pix Automático é uma ferramenta promissora que tem o potencial de revolucionar a forma como realizamos pagamentos no Brasil. Dessa forma, a expectativa é que a funcionalidade esteja disponível em breve, proporcionando mais praticidade, segurança e controle financeiro para consumidores e empresas.

Imagem: Brenda Rocha – Blossom / shutterstock.com