Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Auxílio Brasil precisa ser declarado no Imposto de Renda 2022?

Cerca de 3 milhões de pessoas receberam os valores no ano passado

0

A temporada de declaração de Imposto de Renda 2022 está quase começando. Sendo assim, a prestação de informações sobre alguns rendimentos já está gerando dúvidas para algumas pessoas. Um dos questionamentos é em relação ao Auxílio Brasil, o novo Bolsa Família. Com ele, cada família beneficiada recebe, no mínimo, R$ 400. Mas será preciso fazer a declaração do Auxílio Brasil em 2022? Confira!

É provável que você também goste:

Auxílio-inclusão de R$ 606: saiba como pedir e as regras do benefício

Auxílio Criança Cidadã: parcelas de até R$ 300; confira as regras

INSS: aposentados já podem consultar informe de rendimentos para o Imposto de Renda

Auxílio Brasil: você precisa declarar o valor no Imposto de Renda 2022?

Primeiramente, vale dizer que, em 2021, a Receita Federal determinou que apenas quem recebeu o auxílio emergencial e outros rendimentos tributáveis acima de R$ 22.847,76 era obrigado a informar o benefício social. Na ocasião, eram cerca de 3 milhões de pessoas nesta situação. Para 2022, entretanto, ainda não se sabe se o Auxílio Brasil seguirá a mesma lógica.

Contudo, a expectativa dos especialistas é de que a norma para o Auxílio Brasil seja a mesma. Ou seja, de que as pessoas que receberam Auxílio Emergencial e tiveram outras rendas em valor superior a R$ 22.847,76 devam declarar o benefício.

Mas vale lembrar que a Receita não deve obrigar todos os contribuintes a declarar. Por exemplo, o recebimento do Auxílio Brasil, por si só, não é motivo de obrigatoriedade na entrega da declaração do Imposto de Renda. Isso porque os valores pagos estão enquadrados na faixa de isenção. Porém, se você recebeu outras fontes de renda durante o ano, deve informar o valor do benefício na sua declaração.

Por fim, para declarar o Auxílio Brasil, vá até a ficha “Rendimentos Recebidos de Pessoa Jurídica”, a mesma em que você informa os salários. Abra uma nova aba, informe o nome e o CNPJ da fonte pagadora, insira o valor em “Rendimentos recebidos de pessoa jurídica”. O CNPJ é 05.526.783/0003-27. Enfim, caso o auxílio tenha sido recebido pelos dependentes, o valor também deve ser informado na aba “Dependentes”.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o FacebookTwitterTwitchInstagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimosfintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: rafapress / Shutterstock.com

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar

Fechar