Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Auxílio Emergencial: Maioria vai receber apenas R$ 150 no Caixa Tem

O governo evita divulgar detalhes antes da publicação da MP para evitar críticas.

0

De acordo com o jornal O Estado de S. Paulo, a maior parcela dos cidadãos que receberão o Auxílio Emergencial ganhará o valor de R$ 150, sendo a menor cota do benefício.

Serão aproximadamente 20 milhões de famílias, o que representa 43% do total de pessoas contempladas pelo Auxílio e que se enquadram como “unipessoal”, ou seja, uma pessoa apenas.

Por outro lado, serão 16,7 milhões a quantidade de beneficiários aptos a receber a segunda maior cota, R$ 250. A maior cota será distribuída para mulheres que são provedoras de suas famílias, cerca de 9,3 milhões de pessoas que receberão R$ 375. 

O pagamento do Novo Auxílio Emergencial está previsto para ter início no mês de abril.

De acordo com a nova estrutura, o governo deve pagar quatro parcelas de valores que vão de R$ 150 a R$ 375 para aproximadamente 46 milhões de cidadãos brasileiros.

É provável que você também goste:

Confira datas do novo auxílio emergencial para quem ganha Bolsa Família

Como declarar redução da jornada de trabalho no IR 2021

Novo vazamento expõe 223 milhões de CPFs de brasileiros

Serasa prorroga feirão com descontos de até 99%

Auxílio Emergencial de 2021 ante o de 2020

Em 2021, as regras serão mais rígidas quando comparado com o ano passado. Em 2020, o Auxílio foi de cinco parcelas no valor de R$ 600 e quatro de R$ 300, com a possibilidade da cota ser dobrada para mulheres que se enquadraram como chefes de família.

Todavia, por conta de duras críticas do Congresso e de outras organizações civis no que consta o novo valor, o governo tem evitado divulgar detalhadamente a divisão do benefício antes da edição de medida provisória que reestruturará o programa.

O documento da medida provisória reestrutura o Auxílio e cria os critérios para que seja concedido. Ele já foi revisado por órgãos jurídicos e de controle na segunda-feira (15/03), mas ainda faltava a revisão do Ministério da Cidadania.

Depois de publicada, a MP possui vigência imediata e, além disso, o Congresso pode aprová-la em até 120 dias, com a possibilidade até de alterações.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então é só seguir o Seu Crédito Digital no YouTubeFacebookTwitterInstagram e Twitch. Assim você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos etc. Siga a gente para saber mais!

Imagem: Brenda Rocha – Blossom / Shutterstock.com

Comentários
Carregando...