Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Bolsa família e auxílio gás antecipados em maio; descubra se você vai receber

Antecipação do Bolsa Família e Auxílio Gás no Rio Grande do Sul para famílias afetadas pelas chuvas. Confira as datas de início dos pagamentos!

Diante das adversidades causadas pelas recentes chuvas no Rio Grande do Sul, o Governo Federal anunciou uma medida emergencial para socorrer as famílias afetadas: a antecipação do Bolsa Família e uma nova liberação do Auxílio Gás.

Essas medidas têm o objetivo de fornecer apoio imediato às comunidades atingidas, ajudando a mitigar os impactos negativos das enchentes e garantindo que as necessidades básicas das famílias sejam atendidas durante esse período de crise.

Quem será beneficiado com a antecipação do Bolsa Família?

Na imagem, mão segurando o novo cartão do Bolsa Família.
Imagem: Reprodução / Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome

Os pagamentos antecipados do Bolsa Família e o Auxílio Gás em maio são exclusivos para os residentes das cidades que decretaram estado de calamidade pública no Rio Grande do Sul.

Esta ação visa fornecer um alívio imediato para aqueles que estão enfrentando grandes dificuldades devido às inundações e danos causados pela intempérie.

Como funcionará a antecipação do Bolsa Família e do Auxílio Gás?

Na próxima sexta-feira (17), o Governo realizará o pagamento, abrangendo todos os beneficiários independentemente do número final do NIS.

O governo depositará os valores diretamente nas contas do Caixa Tem dos beneficiários, facilitando o acesso ao recurso de maneira rápida e segura.

Detalhes sobre o Auxílio Gás

Normalmente pago a cada dois meses, o Auxílio Gás terá um calendário especial em maio para os afetados pelas chuvas no Rio Grande do Sul.

Este pagamento adicional faz parte do esforço do governo para assegurar que as necessidades básicas da população sejam atendidas durante este período de crise.

Critérios para recebimento do Bolsa Família

Para se tornar elegível ao Bolsa Família, é necessário atender a dois requisitos fundamentais:

Primeiramente, a renda da família não deve ultrapassar o valor mensal de R$ 218. Além disso, é crucial que as famílias mantenham suas informações atualizadas no Cadastro Único (CadÚnico), garantindo assim a precisão e a conformidade dos dados necessários para a participação no programa.

Veja também:

Nu Infra: conheça o fundo de investimento do Nubank isento de Imposto de Renda

Esta iniciativa não apenas apoia as famílias em suas necessidades imediatas mas também promove uma recuperação mais rápida e eficaz daquelas severamente impactadas pelas condições climáticas extremas.

Imagem: rafapress / shutterstock.com