Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Bolsa Família vai ter reajuste do benefício e do auxílio-gás de fevereiro de 2024

Esse anúncio é crucial para o planejamento financeiro das famílias que dependem desse recurso para garantir sua subsistência. Saiba mais!

A divulgação do calendário de pagamento do Programa Bolsa Família para fevereiro de 2024 é uma notícia aguardada com expectativa. Esse anúncio é crucial para o planejamento financeiro das famílias que dependem desse recurso para garantir sua subsistência e manter suas contas em dia.

Com o calendário oficial disponível, os beneficiários podem, agora, organizar melhor suas finanças e se prepararem para receber o auxílio no momento certo. Este calendário é uma ferramenta essencial para promover a segurança financeira e a estabilidade para aqueles que mais precisam.

Datas de pagamento do Bolsa Família para fevereiro

Mão segurando celular com tela mostrando nome do programa Bolsa Família
Imagem: rafapress / shutterstock.com

De acordo com o Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome (MDS) e a Caixa Econômica Federal, as datas de pagamento são determinadas pelo último dígito do Número de Identificação Social (NIS) do beneficiário. Para fevereiro de 2024, o cronograma de pagamentos ficou assim estabelecido:

  • NIS terminado em 1: 16 de fevereiro
  • NIS terminado em 2: 19 de fevereiro
  • NIS terminado em 3: 20 de fevereiro
  • NIS terminado em 4: 21 de fevereiro
  • NIS terminado em 5: 22 de fevereiro
  • NIS terminado em 6: 23 de fevereiro
  • NIS terminado em 7: 26 de fevereiro
  • NIS terminado em 8: 27 de fevereiro
  • NIS terminado em 9: 28 de fevereiro
  • NIS terminado em 0: 29 de fevereiro

Bolsa Família traz “presentes” para os beneficiários em fevereiro

Além de o calendário de pagamentos ser aguardado, os beneficiários que atendem aos critérios do programa têm mais motivos para comemorar em fevereiro. Nesse mês, eles contarão não só com a parcela regular, mas também com a adição de outros benefícios.

O primeiro presente de fevereiro vem em forma de dinheiro: uma parcela de R$ 800,00. Este valor inclui tanto a transferência regular, quanto o Benefício Primeira Infância (BPI) e o Benefício Variável Familiar (BVF). O primeiro contempla famílias com crianças de 0 a 6 anos com R$ 150,00 extras e o segundo adiciona R$ 50,00 para famílias com crianças e adolescentes de 7 a 18 anos, bem como para gestantes e mães em período de amamentação.

Outro “presente” será o Auxílio Gás no valor de R$ 102,00, destinado à compra de um botijão de gás de 13kg. Este benefício atenderá a todos os beneficiários do programa que realizaram a solicitação no CRAS de seu município.

Requisitos

Para se beneficiar deste programa e aumentar a renda familiar, é preciso atender a alguns critérios. Por exemplo, todas as crianças e adolescentes entre 4 e 17 anos da família devem estar frequentando a escola regularmente. Além disso, as gestantes devem fazer o pré-natal e as crianças até 7 anos devem ter seu desenvolvimento físico monitorado, bem como o calendário de vacinação.

Veja também:

31º brasileiro mais rico: confira o valor da fortuna de Abílio Diniz

A pauta é clara: para continuar participando do programa, é preciso respeitar as regras, contribuindo para a efetividade desta importante política pública.

Imagem: rafastockbr / shutterstock – Edição: Seu Crédito Digital