Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Confira quem irá receber apenas a metade do Bolsa Família em abril

Entenda a redução da Bolsa Família para 2,7 milhões de famílias em abril e como reverter essa situação com alguns passos

Na próxima semana, tem início o cronograma de repasses do Bolsa Família referente ao mês de abril. No entanto, segundo a Caixa Econômica Federal, responsável pela gestão dos pagamentos, cerca de 2,7 milhões de famílias terão seu benefício cortado pela metade devido a Regra de Proteção do programa social.

Em síntese, a Regra de Proteção, que leva à redução do benefício a 50% do valor habitual, tem como objetivo principal estabelecer um mecanismo transitório para famílias que registraram uma elevação na sua renda per capita acima do limite estabelecido pelo programa, que é de R$ 218 por pessoa da família. 

Pagamento do Bolsa Família em abril

Em março, por exemplo, o valor médio pago pelo Bolsa Família, que era de R$ 679,23, sofreu redução, ficando em R$ 370,49 para as famílias que estavam na Regra de Proteção. Assim, a medida permite que não haja a exclusão imediata das famílias. E, dessa forma, oferecer um período de transição de até dois anos para ajuste à nova realidade financeira.

No entanto, em abril, algumas famílias receberão um valor a mais no Caixa Tem (disponível para Android e iOS), trata-se do Auxílio Gás Nacional no valor de R$ 102 para a compra de um botijão de gás de cozinha de 13kg, que contemplará cerca de 5,5 milhões de famílias.

Mãos segurando celular que mostra a logo do Bolsa Família
Imagem: rafapress / shutterstock.com

Como reverter a redução do benefício

Contudo, beneficiários interessados em retornar ao recebimento integral do Bolsa Família devem provar que sua renda familiar per capita está novamente abaixo do limite de R$ 218. Isso pode ocorrer através da atualização de dados no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). Buscando, preferencialmente em um Centro de Referência de Assistência Social (CRAS).

Veja também:

Pronampe para MEIs: veja como solicitar o empréstimo digital!

Assim, após a comprovação da adequação aos critérios do programa, o restabelecimento do valor integral do benefício é realizado, com os repasses de acordo com o último dígito do Número de Identificação Social (NIS) do beneficiário titular.

Imagem: rafapress / shutterstock.com