Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

IBGE: setor de serviços registra crescimento de 0,5% de março a abril

O setor de serviços cresceu 0,5% de março para abril, segundo o IBGE. Descubra os fatores por trás desse crescimento!

Na última quarta-feira (12), o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou números sobre o desempenho do setor de serviços no Brasil. Entre os meses de março e abril, foi registrado um incremento de 0,5%, marcando o segundo aumento consecutivo.

Dessa forma, o resultado reflete não apenas uma recuperação, mas também uma possível tendência de crescimento contínuo no setor. Continue a leitura para mais informações!

Quais segmentos do setor de serviços se destacaram?

setor de serviços
Imagem: VGstockstudio / shutterstock.com

No comparativo anual, o houve um avanço de 5,6% em relação a abril do ano anterior. Analisando o panorama do primeiro quadrimestre, o crescimento acumulado chega a 2,3%, e, nos últimos doze meses, a evolução foi de 1,6%.

Dentre as cinco atividades avaliadas pela Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), três tiveram performances especialmente positivas de março para abril. Os transportes lideraram com um aumento significativo de 1,7%, seguidos pelo segmento de outros serviços, que surpreenderam com uma elevação de 5,0%.

Ademais, a área de informação e comunicação também mostrou vigor, crescendo 0,4% e atingindo o ponto mais alto de sua série histórica desde 2012.

Saiba mais sobre outros dados do IBGE

Por outro lado, os serviços profissionais, administrativos e complementares registraram uma queda de 1,1%, enquanto os serviços prestados às famílias sofreram uma redução de 1,8%. Contudo, no cenário do turismo, os números foram mais animadores.

Os dados revelaram um crescimento de 2,3% em abril, marcando o segundo resultado positivo consecutivo para o setor, que agora se encontra 4,7% acima do patamar de fevereiro de 2020, embora ainda esteja 3% abaixo do seu ápice registrado em fevereiro de 2014.

Veja também:

Novo Plano Nacional de Direitos Humanos beneficia Agentes de Segurança Pública

Em termos de receita nominal, o setor de serviços também demonstrou uma evolução positiva. Houve um aumento de 1,1% em relação a março e de 8,9% comparado a abril do ano anterior. No acumulado do ano, a ascensão foi de 6,3%, e, nos últimos doze meses, de 5,2%.

Imagem: VGstockstudio / shutterstock.com