Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Liberada consulta ao lote residual do Imposto de Renda 2023; veja quanto você vai receber

A Receita Federal disponibilizou a consulta a um novo lote residual do Imposto de Renda 2023. Saiba quando você vai receber!

Na quinta-feira (23), a Receita Federal liberou a consulta ao novo lote residual da restituição do Imposto de Renda 2023. Os depósitos acontecerão no próximo dia 30 de novembro, para aproximadamente 350 mil contribuintes.

Dessa vez, o Fisco pagará a restituição do IRPF 2023 aos contribuintes que foram retidos na malha fina, mas regularizaram suas pendências. Assim, ao todo, a Receita pagará em média R$ 762,9 milhões nesta leva. Veja, nas próximas linhas, quem receberá o pagamento.

Veja quem receberá o lote residual do Imposto de Renda 2023

A imagem mostra uma pessoa segurando um celular com aplicativo ou site da Receita Federal aberto.
Imagem: rafapress / shutterstock.com

Do total de pessoas que tiveram algum problema com o Fisco, o público com prioridade, que receberá os pagamentos primeiro, é o seguinte:

  • Idosos acima de 80 anos (5.774 contribuintes);
  • Idosos entre 60 e 79 anos (58.060 contribuintes);
  • Pessoas com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave (6.654 contribuintes);
  • Professores (14.863 contribuintes);
  • Aqueles que optaram em receber a restituição via Pix ou utilizaram a declaração pré-preenchida (129.019 contribuintes).

Esses grupos ficarão com R$ 524,8 milhões do total de pagamentos neste mês. O restante dos cidadãos são os que não estão em nenhuma das categorias acima, que receberão o lote residual do Imposto de Renda 2023 na sequência.

Saiba como realizar a consulta e como será o pagamento

A consulta à situação da declaração e ao extrato de processamento pode ser realizada através do portal e-CAC, da Receita Federal. Ao identificar qualquer tipo de inconsistência na declaração, o contribuinte tem a possibilidade de corrigi-la através da retificação.

Veja também: Quer investir na Black Friday? Confira as ações ‘boas e baratas’ recomendadas por especialistas

Além disso, a restituição cairá na conta bancária que contribuinte informou na declaração do Imposto de Renda. É importante mencionar que a conta precisa ser de titularidade do declarante, exceto no caso de contribuintes falecidos, menores de idade, incapazes ou indivíduos em situação de saída definitiva do país.

Por fim, caso o crédito fique pendente, por conta de desativação da conta corrente informada, por exemplo, os valores ficarão disponíveis para retirada no Banco do Brasil durante um ano. Nesses casos, é possível efetuar o reagendamento do crédito pelo Portal BB.

Imagem: Pamela Marciano / shutterstock.com