Embora o Banco Inter seja uma excelente opção de banco 100 % digital e totalmente gratuito, todas empresas precisam sempre planejar uma evolução constante tanto em seus serviços como produtos oferecidos. Há alguns dias, fiz uma matéria em que explicita o principal defeito do Nubank, agora, no entanto, falaremos sobre 2 dois maiores defeitos do Banco Inter em relação ao próprio Nubank.

É provável que você também goste:

C6 Bank esclarece motivo de conceder limite do cartão de crédito baixo.

C6 Bank aprova clientes com limite zero e derruba score de crédito.

Afinal, por que o Nubank cobra R$ 6,50 por cada saque na NuConta?

Confira, então, os 2 dos maiores defeitos do Banco Inter em relação ao Nubank

Demora no atendimento

É comum, por exemplo, que, nas redes sociais, os usuários do Banco Inter reclamem da demora no atendimento, muitas vezes sendo respondidas as dúvidas somente no outro dia. Isso é algo que o banco precisa melhorar, pois, um mundo é focado, especialmente na internet. As pessoas, portanto, precisam de mais agilidade para fazer operações financeiras. Isso é primordial em um banco digital.

Em contrapartida, o Nubank é uma empresa que prima pelo atendimento, o que a torna especial para os seus clientes. Ou seja, a prioridade da empresa é atender bem os seus clientes.

Cartão de crédito do Banco Inter não tem um programa de pontos

Infelizmente, o cartão de crédito do Banco Inter não conta com um programa de pontos. A única opção para o cliente do banco, nesse caso, é utilizar o Mastercard Surpreenda. Entretanto, o Nubank, por exemplo, lançou o seu programa de pontos, o Nubank Rewards, em que é possível apagar compras diretamente no aplicativo da fintech.

Considerações Finais

Portanto, mesmo que o Banco Inter seja uma boa opção de banco digital, como podemos constatar sempre pode-se melhorar alguns quesitos, como esses elencados acima. Isso certamente trará mais clientes satisfeitos, o que automaticamente atrairia outros.

Enfim, gostou da notícia sobre os 2 maiores defeitos do Banco Inter?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Assim acompanhará artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.