Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

PIS/Pasep: R$ 1412 é liberado para quem trabalhou com carteira assinada em 2022

Liberação do PIS/Pasep 2022: benefício de R$ 1412 para trabalhadores com carteira assinada. Confira como reivindicar este direito!

Uma nova etapa dos pagamentos do abono salarial PIS/PASEP está prestes a iniciar, com um orçamento alocado de R$ 1,9 bilhão, um valor relevante que influencia diretamente a vida financeira de muitos trabalhadores brasileiros. Esta fase é crucial, ao atendar aos nascidos nos meses de maio e junho, enquadrado nos critérios exigidos.

A assistência coordenada pela Caixa Econômica Federal e pelo Banco do Brasil beneficia diretamente os trabalhadores e impulsiona a economia local. Para receber esse benefício, é essencial atender aos requisitos específicos estabelecidos pela legislação do abono salarial. Cumprindo essas condições, o trabalhador garante um complemento na renda e suporte financeiro em momentos de necessidade.

Quem pode receber o PIS/Pasep em 2024?

Blocos de madeira escritos PIS e "PASEP". Ao lado direito do bloco tem uma calculadora azul e do lado esquerdo um cofrinho de porco rosa PIS/PASEP
Imagem: rafastockbr / Shutterstock.com

Para ser elegível ao abono salarial, é necessário estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos, desde 2019. Além disso, o trabalhador deve ter trabalhado com carteira assinada por pelo menos 30 dias em 2022 e não ter recebido mais de dois salários mínimos por mês durante esse período. Esses critérios são fundamentais para determinar quem pode se beneficiar do abono.

Outrossim, o montante do abono salarial é diretamente proporcional ao tempo de serviço no ano de 2022, calculado sobre o salário mínimo vigente em 2024 (R$ 1.421,00). Por exemplo, se um indivíduo laborou por seis meses receberá aproximadamente R$ 710,50, que equivale à metade do valor do salário mínimo.

Distribuição do pagamento

  • 1 mês de trabalho: R$ 118,42
  • 2 meses de trabalho: R$ 236,83
  • 6 meses de trabalho: R$ 710,50
  • 12 meses de trabalho: R$ 1.421,00 (valor máximo)

Como verificar seu direito ao abono e consultar os valores?

Os trabalhadores podem verificar a elegibilidade para o abono salarial através do Aplicativo Carteira de Trabalho Digital, acessando a seção de “Benefícios” após login. Alternativamente, o site da Caixa Econômica Federal oferece uma plataforma específica para consulta, onde todas as informações necessárias estão disponíveis.

Veja também:

Último depósito do Bolsa Família caiu na conta dos beneficiários hoje (28); veja se recebeu

Para quem prefere o contato por telefone, é possível ligar para a Central de Atendimento da Caixa ou para o Alô Trabalho, onde profissionais estão disponíveis para fornecer informações detalhadas sobre o abono salarial. É crucial estar atento aos requisitos e prazos estabelecidos para não perder a oportunidade de receber esse benefício importante.

Imagem: rafastockbr / shutterstock.com