Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Receita Federal emite importante alerta sobre Imposto de Renda 2024

A Receita Federal, em colaboração com o CTIR Gov, emitiu um alerta sobre o Imposto de Renda 2024. Confira aqui!

Na última sexta-feira (15), teve início o prazo para envio da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2024. Assim, juntamente com o período de envio do documento, os golpistas entraram em ação no intuito de fazer diversas vítimas durante a temporada de entrega, que segue até o dia 31 de maio. 

Dessa forma, a Receita Federal, em colaboração com o Centro de Prevenção, Tratamento e Resposta a Incidentes Cibernéticos de Governo (CTIR Gov), emitiu um alerta sobre a presença de sites e aplicativos falsos relacionados à declaração do imposto. Veja mais detalhes!

Alerta da Receita Federal

De acordo com o alerta da Receita, já houve a identificação de páginas fraudulentas e campanhas maliciosas que tentam enganar os usuários, os induzindo a instalar apps falsos. Assim, a descoberta desses golpes foi feita pelo CTIR Gov.

Portanto, o CTIR Gov recomenda que os contribuintes busquem todas as informações sobre o Imposto de Renda na página oficial da Receita Federal. Assim, evita-se o risco de acesso a sites fraudulentos que possam levar à instalação de aplicativos falsos. Além disso, o órgão alerta para algumas limitações no processo de declaração on-line ou via aplicativo para celulares e tablets.

Fachada de um prédio da Receita Federal
Imagem: SERGIO V S RANGEL/shutterstock.com

Programa oficial para declaração do Imposto de Renda

Assim, se o contribuinte não conseguir fazer a declaração do Imposto de Renda por meio do aplicativo oficial (disponível para Android e iOS) ou de forma on-line, o CTIR Gov sugere que o programa oficial seja baixado e instalado no computador do usuário. Assim, o download do software pode ocorrer por meio da página do governo federal.

Veja também:

IR 2024: 80% dos contribuintes que já entregaram a declaração têm direito à restituição

Enfim, em todas as situações, é importante o máximo de cautela e atenção para não ser vítima dos golpistas. Dessa forma, evite clicar em links suspeitos, instalar aplicativos de origem desconhecida e fornecer informações pessoais sem verificar a confiabilidade do site ou do aplicativo.

Imagem: SERGIO V S RANGEL/shutterstock.com