Qual é o score mínimo para conseguir um cartão de crédito?

0

A pandemia do novo coronavírus mudou tudo, para todos. Agora, devemos ficar em casa, as empresas estão direcionando seus serviços para a tele-entrega e muitos estão economizando dinheiro. Com todas essas mudanças no mercado financeiro, qual será o score mínimo para conseguir um cartão de crédito durante a pandemia?

Antes de mais nada é importante lembrar o que é o score de crédito, pois esse entendimento é essencial para saber como aumentar a sua pontuação.

O que é e como funciona o score de crédito?

O score é uma pontuação que os birôs de crédito utilizam para classificar o risco de inadimplência de um cidadão. Essa pontuação de crédito pode variar de 0 a 1000, e quanto menor, mais risco o consumidor possui de não pagar suas contas em dia. Entretanto, quanto maior a pontuação de crédito, mais atraente este cliente é para o mercado.

Essa pontuação de crédito é baseada no histórico de crédito, considerando o número de contas de cartão de crédito em aberto, níveis totais de dívida e histórico de pagamentos, além de outros serviços financeiros. Os credores usam as pontuações de crédito para avaliar a probabilidade de que um indivíduo pague as dívidas dentro do prazo.

Características do score de crédito

  • A pontuação de crédito desempenha um papel fundamental na decisão do credor de oferecer crédito.
  • Os fatores considerados na pontuação de crédito incluem histórico de pagamento, tipos de empréstimos, duração do histórico de crédito e dívida total de um indivíduo.
  • Uma métrica usada no cálculo da pontuação é a utilização de crédito ou a porcentagem de crédito disponível atualmente para uso.
  • Nem sempre é aconselhável cancelar um cartão de crédito que não esteja sendo usado, pois isso pode diminuir o score.

O modelo de pontuação de crédito foi criado pela Fair Isaac Corporation, também conhecida como FICO, e é usado por instituições financeiras em todo o mundo. No Brasil, os birôs de crédito ou gestores de bancos de dados são: Serasa, Boa Vista, SPC Brasil e Quod. Existem várias maneiras de melhorar a pontuação de crédito, incluindo o pagamento de dívidas e o bom uso de um cartão de crédito.

Como funcionam as pontuações de crédito

score mínimo para conseguir um cartão de crédito

Ser detentor ou não de uma boa pontuação de crédito pode afetar significativamente sua vida financeira. O score de crédito desempenha um papel fundamental na decisão de um credor para lhe oferecer crédito. Dessa forma, pessoas com pontuação de crédito abaixo de 500, têm mais dificuldades de conseguir crédito.

Por outro lado, uma pontuação de crédito igual ou superior a 700 é geralmente considerada boa, e pode resultar em um mutuário tendo mais acesso à crédito, financiamentos e empréstimos. Pontuações maiores que 800 são consideradas muito boas, e acima de 900 é excelente. Embora cada credor defina seus próprios intervalos para pontuações de crédito, o intervalo médio de pontuações é frequentemente usado:

  • Excelente: 900 a 1000
  • Muito Bom: 800 a 899
  • Bom: 500 a 799
  • Razoável: 300 a 499
  • Fraco: 0 a 299

Sua pontuação de crédito, uma análise estatística de sua capacidade creditícia, afeta diretamente quanto ou pouco você pode pagar por qualquer linha de crédito contratada.

A pontuação de crédito de um determinado indivíduo também pode determinar a capacidade de conseguir contratar um plano pós pago de telefonia, serviço de TV a cabo ou até mesmo para alugar um apartamento. E os credores revisam frequentemente as pontuações dos tomadores de crédito, principalmente quando decidem se devem alterar uma taxa de juros ou um limite de crédito no cartão.

A oferta de crédito durante a pandemia de Coronavírus

Entendendo como funciona o score de crédito, fica mais fácil saber como os credores te vêem enquanto consumidor. Entretanto, levando em conta o atual momento, em que o Brasil atravessa o provável pico da pandemia de Coronavírus, é importante salientar que o crédito se tornou algo ainda mais valioso.

Além disso também é importante levar em conta que agora, a concessão de crédito está ainda mais criteriosa. Isso porque neste momento o risco de inadimplência é maior, até mesmo para os consumidores que antes não apresentavam muito risco.

Nossa economia está entrando em uma crise sem precedentes. Estima-se que o Brasil tenha uma queda do PIB de 7,4% em 2020, de acordo com a Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE).

Por isso os bancos e instituições financeiras devem ter ainda mais cuidado ao oferecer crédito. Todavia, por outro lado, algumas empresas do setor estão facilitando o crédito especialmente por conta da pandemia e das dificuldades financeiras que os brasileiros enfrentarão nos próximos meses. Além disso, durante esses meses mais críticos os consumidores não serão negativados no SPC e Serasa mesmo se forem inadimplentes.

Qual score mínimo para conseguir um cartão de crédito durante a pandemia?

De antemão, eu posso informar você que não existe um número exato de score nas birôs de crédito para determinar qual consumidor terá aprovação em um cartão de crédito e qual não terá. Ou seja, na verdade é difícil mensurar o score mínimo para conseguir um cartão.

Na verdade, nem as 4 birôs de crédito classificam o consumidor da mesma maneira, e a prova disso é que em alguns birôs você pode ter um score maior enquanto em outros você pode ter um score menor.

Mas na prática, normalmente os cartões de crédito que aprovam mais fácil costumam exigir um score a partir de 400 pontos no Serasa. No caso de pontuações superiores, você normalmente terá mais facilidade de conseguir crédito com os bancos em que já tem um relacionamento e principalmente, que nunca ficou devendo.

Outro detalhe importante que você deve levar em conta é que pedir muitos cartões de crédito ao mesmo tempo, além de prejudicar o seu score diretamente, fará com que os bancos lhe neguem crédito. Isso porque, para as instituições financeiras, muitos pedidos soam como um certo desespero do consumidor, e põe em xeque sua confiabilidade.

Priorize os cartões de crédito que aprovam com score baixo

As instituições financeiras não revelam os critérios e nem qual score mínimo que usam para aprovar ou reprovar um pedido, mas há muitos relatos de consumidores. E com esses relatos é possível ter uma noção de quais cartões aprovam mais fácil, ou seja, aceitam pessoas com score baixo.

Abaixo segue uma lista de cartões de crédito que tem fama de aceitar clientes com score baixo para você tentar durante está pandemia:

  1. Cartão BMG
  2. Banco Pan
  3. Banco Inter
  4. Trigg
  5. Meu Cartão (Renner)
  6. Cartão Mais! (Credsystem)
  7. Santander Free
  8. Digio
  9. C6 Bank
  10. Credcard Zero
  11. Next
  12. Nubank

Nubank aprova com o score baixo?

E se você leu o Nubank na lista e se impressionou, saiba que sim, o cartão digital roxinho está aprovando pessoas com o score baixo há algum tempo. Na verdade, parece que a fintech mudou sua política de aprovação nos últimos tempos para poder crescer.

Mas aviso de antemão que para quem tem o score baixo, talvez o limite não seja dos melhores. Ainda assim vale a pena, pois o Nubank também é uma boa opção para quem quer ter um limite que cresce frequentemente.

E você, conhece alguma outra opção de cartão de crédito que aprova com o score baixo? Compartilhe essa informação nos comentários abaixo.

Enfim, gostou da matéria sobre o score mínimo para conseguir um cartão de crédito?

Então, siga o nosso canal do YouTube, e nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, empréstimos e matérias relacionadas ao assunto de fintechs.

Imagem: aShatilov, via Shutterstock.

Comentários
Carregando...

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar