Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Inter: golpistas usam número do banco para roubar dados por telefone

Estelionatários usam número quase idêntico da instituição para fazer vítimas

0

Em 2019, correntistas do Inter tiveram seus dados vazados. Na época, o banco procurou alertar seus clientes para não caírem em golpes. Hoje, os golpistas intensificaram suas armadilhas para roubar dinheiro diretamente da conta das pessoas. 

Uma dessas armadilhas é o número de telefone usado pelos cibercriminosos. O número oficial do Inter é 3003-4070. Para aplicar golpes, está sendo usado o número (31) 3003-4070. A diferença é que números de empresas são considerados de discagem nacional, por isso, não há DDD neles. 

Ou seja, os golpistas conseguiram um número do estado de Minas Gerais, local onde é a sede do banco Inter. Assim, dificilmente os clientes estranham as ligações recebidas diariamente. 

Como saber se estou sendo vítima de golpe?

Munidos de informações pessoais como  RG, CPF, nome dos pais, endereço e número da conta, os estelionatários ligam para as vítimas e “notificam” sobre uma suposta invasão na conta dos clientes. 

É comum que as pessoas sejam convencidas do problema, já que o comportamento do golpista indica que ele tenha pleno conhecimento dos procedimentos usados por funcionários do banco. Inclusive, o modo de se comunicar com o cliente. 

Em alguns casos, o suposto atendente informa até o número do cartão e pede que o cliente confirme o código de segurança, que o criminoso não possui acesso. Portanto, não confirme essas informações confidenciais. Nem mesmo o próprio banco tem acesso a elas.

Quando o perfil da vítima é atraente para o golpista, ele persiste na ligação e finaliza o golpe pedindo confirmação por SMS ou e-mail para o bloqueio da conta. No entanto, este link fará com que pareça que a conta foi bloqueada, mas na verdade, o titular perde o acesso enquanto o estelionatário retira os fundos. 

O banco Inter se pronunciou ao longo de 2019 com campanhas de segurança digital e informou que não faz ligações por meio do número do SAC ou homônimos. Todo bloqueio de segurança é feito formalmente, com envio de correspondências digitais ou físicas. 

A instituição também orienta que os clientes não atendam ligações provenientes de números que não sejam de discagem nacional local. Caso aconteça, é de responsabilidade do cliente entrar em contato com o banco por meios formais como o chat do aplicativo ou pelo número 3003-4070 (sem DDD). 

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: eamesBot / Shutterstock.com

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar