Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

5 carros que não valem a dor de cabeça e possuem manutenção cara!

Descubra os 5 carros usados com manutenção cara que podem gerar altos gastos a longo prazo. Evite dores de cabeça financeiras!

Optar por um carro usado é uma escolha comum para quem busca eficiência em termos de custo e valor. No entanto, essa decisão pode trazer complicações se não for feita com o devido cuidado. É fundamental estar atento aos modelos que podem culminar em despesas elevadas com reparos e manutenções.

Dessa forma, a fim de auxiliar nesse processo, conheça quais são os cinco modelos que podem representar verdadeiras dores de cabeça para seus proprietários no que diz respeito à manutenção. Continue a leitura!

5 carros usados com manutenção cara

Frente de diversos carros usados enfileirados
Imagem: Bespaliy / shutterstock.com

Confira abaixo, portanto, quais são os modelos de carros usados que mais apresentam problemas e necessitam de uma custosa manutenção.

  1. Peugeot 307: este modelo de carro é notório pelos altos custos de manutenção. Seu sistema elétrico complexo e a sensibilidade do motor exigem atenção constante, além de serem frequentes os problemas no sistema de arrefecimento e na suspensão;
  2. Land Rover Discovery 4: apesar de ter reconhecimento por seu conforto e luxo, o valor das peças e a complexidade técnica tornam qualquer reparo um investimento elevado;
  3. Ford Fusion: o sedã é elegante e potente, mas a versão híbrida pode trazer grandes dores de cabeça associadas principalmente ao alto custo da substituição da bateria de íon de lítio, podendo chegar a R$ 70.000;
  4. Chevrolet Captiva: enfrenta problemas frequentes de suspensão e transmissão, e o desafio de encontrar peças de reposição amplia os custos de sua manutenção.
  5. Fiat 500: a dificuldade de encontrar peças compatíveis, combinada com a fragilidade de partes específicas como a caixa de direção, exige uma atenção especial em seus cuidados.

Por que alguns modelos usados podem ser uma armadilha financeira?

Antes de firmar a compra, é vital analisar o plano de manutenção do veículo, verificar a facilidade de obtenção de peças de reposição e avaliar o serviço pós-venda.

Veja também:

Como realizar a atualização cadastral no INSS?

Além disso, a adaptabilidade do carro às condições nacionais (tropicalização) também é um ponto crucial. Esses fatores podem determinar a viabilidade e o real custo-benefício de se adquirir um determinado modelo usado.

Imagem: Bespaliy / shutterstock.com