Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Adicional de R$ 200 cai na conta de inscritos do CadÚnico em breve

Descubra como o programa Pé de Meia pode transformar os estudos no Enem e impulsionar as finanças dos inscritos no CadÚnico!

Em uma iniciativa inovadora do Governo Federal, o “Programa Pé de Meia” foi introduzido com o intuito de motivar estudantes do ensino médio a completarem seus estudos, oferecendo um estímulo financeiro significativo.

Ao longo dos três anos de curso, os participantes podem acumular até R$ 9.200, proporcionando um grande incentivo para a continuidade da trajetória educacional dos jovens. Além disso, uma novidade recente veio complementar essa iniciativa: um benefício adicional de R$ 200 está previsto para ser depositado nos próximos meses.

Esse valor extra é destinado exclusivamente aos estudantes que estão tanto inscritos na base de dados do CadÚnico quanto ativamente participantes do Pé de Meia e que se inscreverem e realizarem as provas do Enem.

Como o Pé de Meia ajuda na preparação para o Enem?

Jovem estudante com expressão feliz após receceber o Pé-de-Meia pix
Imagem: Reprodução / Governo Federal

O benefício adicional de R$ 200 se configura como uma estratégia adicional do MEC (Ministério da Educação) para incentivar o aumento do número de candidatos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Isso não apenas amplia a participação no exame, como também auxilia diretamente os jovens a conquistar uma vaga na universidade, abrindo portas para o futuro educacional e profissional.

O que é necessário para se beneficiar do adicional de R$ 200?

Para os estudantes interessados em aproveitar o benefício de R$ 200 do programa Pé de Meia, é fundamental estar atento aos períodos de inscrição no Enem. Este ano, as inscrições foram abertas no dia 27 de maio e vão até 7 de junho.

Durante este intervalo, os candidatos devem formalizar sua participação através da Página do Participante, além de efetuar o pagamento da taxa de inscrição de R$ 85 até o dia 12 de junho.

Critérios para isenção da taxa de inscrição do Enem 2024

Os critérios para isenção da taxa de inscrição do Enem 2024 incluem estudantes da 3ª série do ensino médio em escolas públicas reconhecidas pelo Censo Escolar, indivíduos que cursaram todo o ensino médio em escola pública ou como bolsistas integrais em escolas privadas, e membros de famílias de baixa renda cadastradas no CadÚnico.

Veja também:

Caixa Tem libera R$ 750 direto na conta para estes CPFs!

Esses critérios garantem que o apoio adicional e as facilidades no acesso ao ensino superior sejam direcionados de maneira equitativa, favorecendo estudantes em condições de vulnerabilidade social e incentivando a meritocracia na educação pública brasileira.

Imagem: Tharlys Fabricio / Shutterstock.com