Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Imposto de Renda: Alteração vai isentar 23 milhões de aposentados

A proposta da reforma do Imposto de Renda está em debate. A intenção é simplificar tanto para as pessoas físicas quanto para as empresas.

0

Se a reforma tributária for aprovada no Congresso Nacional, mais aposentados e pensionistas podem ter isenção no Imposto de Renda (IR). O novo modelo aumenta o limite de isenção do IR para as pessoas físicas de R$ 1.903,98 para R$2.500,00. Dessa forma, os mais de 23 milhões de beneficiários que recebem até R$ 2.500, devem ficar isentos.

Imposto de Renda: Alteração vai isentar 23 milhões de aposentados

Atualmente, um aposentado de até 65 anos, que recebe R$ 2.500 líquido, paga um tributo de R$ 44,70 de Imposto de Renda. Com a nova reforma, ele deve ficar livre desse imposto. Já um aposentado com 65 anos, que recebe R$ 6.433,57, vai ter uma redução no pagamento do imposto. Atualmente, ele paga R$ 188,75, e com a reforma deve pagar R$ 162,54.

A proposta da reforma do Imposto de Renda está em debate há décadas. A intenção é simplificar tanto para as pessoas físicas quanto para as empresas. Dessa forma, debate-se uma reforma simples, que facilite as transações no Brasil, sem perder a arrecadação do governo. O cálculo pode variar entre 7,5% a 27,5%. Assim, quanto maior a renda, maior é a porcentagem do imposto cobrada. 

Embora o projeto esteja caminhando durante o governo Bolsonaro, o aumento de isenção do Imposto de Renda ainda está abaixo do que o presidente prometeu em campanha. Na ocasião, ele afirmou que ficariam isentos os que ganham até 5 salários mínimos. Diante da nova reforma, debate-se a melhor maneira de conseguir proteger o contribuinte mais pobre contra uma taxação imposta que possa prejudicá-lo. 

A alíquota para o Imposto de Renda Pessoa jurídica deve cair de 15% para 10% em dois anos. Essa queda vai ser de 2,5 pontos no 1º e a outra metade no 2º ano. O adicional de 10% para os lucros acima de R$ 20 mil não vai ser alterado.  

Enfim, gostou da matéria?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

imagem: Leonidas Santana / shutterstock.com

- Publicidade -

Comentários
Carregando...