Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Americanas inicia negociações para adquirir as Lojas Marisa

0

Pelo visto, a grande nova negociação do varejo nacional pode ser a compra das Lojas Marisa, pelo grupo Americanas S.A. Em suma, as empresas confirmaram um contato entre os seus assessores. Entretanto, as Americanas reforma que, até o momento, não há uma formalização de interesse.

Americanas inicia negociações para adquirir as Lojas Marisa

Na última sexta-feira (06) as Americanas afirmou que monitora as grandes oportunidades no mercado. “Nesse contexto, os assessores das Americanas mantiveram contato preliminar com os assessores das Lojas Marisa.” Apesar disso, as Lojas Marisa afirma que não existe um acordo concreto para a realização de uma operação.

Em suma, a Lojas Marisa procura um parceiro de negócios, e para isso, contratou a Lazard para ajudar nas procuras. Além disso, a varejista tem a assessoria do Credit Suisse na operação, e no passado, já realizou conversas com a Renner e com a própria Americanas. 

Seja membro

De acordo com os especialistas, o interesse da Americanas ocorre por conta do interesse das varejistas em ter um leque maior de opções. Além disso, atualmente a avaliação da Lojas Marisa está baixa na bolsa de valores. Isso ocorre, por ela estar sendo oferecida por bancos de investimento ao mercado, por muito tempo. Dessa forma, essa compra pode ser uma boa alternativa à Americanas. 

No 1º trimestre de 2021, a Lojas Marisa teve uma redução de 30% em suas vendas, bem como um prejuízo de R$ 53,4 milhões. Enquanto isso, no mesmo período do ano passado, o resultado negativo ficou em R$ 107,1 milhões, e na soma do ano todo, o prejuízo chegou a R$ 432 milhões. Já em 2019, a perda chegou em R$ 91 milhões. 

Em suma, o último bom resultado da empresa foi há 10 anos, quando a classe C chegou a um pico de consumo. Naquela época, a Lojas Marisa investiu em sua expansão, e chegou a ter 400 lojas. Entretanto, desde 2014, a companhia começou a enfrentar uma crise, da qual nunca mais saiu.

Enfim, gostou da matéria?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: Leandro Marques / Shutterstock.com

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.