Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Auxílio de R$ 1.412 do INSS liberado; veja como consultar

Saiba como consultar o auxílio do INSS de R$ 1.412 e descubra se você é elegível para receber o benefício. Acesse agora e confira!

O Benefício de Prestação Continuada (BPC) é um benefício assistencial garantido pela Constituição Federal, destinado a idosos com idade igual ou superior a 65 anos e pessoas com deficiência que vivem em situação de vulnerabilidade socioeconômica. Assim, ele é pago pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e possui o valor de um salário mínimo (R$ 1.412 em 2024).

No entanto, para ser elegível ao BPC, o indivíduo deve comprovar que sua renda familiar per capita é inferior a um quarto do salário mínimo vigente. Além disso, pessoas com deficiência devem demonstrar impedimentos de longo prazo (de natureza física, mental, intelectual ou sensorial). Veja mais detalhes!

Como consultar o auxílio do INSS

Portanto, para consultar o BPC pelo CPF, o beneficiário ou seu representante legal pode acessar o site ou aplicativo Meu INSS (disponível para Android e iOS) e realizar o cadastro ou login utilizando seu CPF e senha. 

Após acessar o sistema, basta selecionar a opção “Consulta Benefício” e inserir os dados solicitados, incluindo o número do CPF. Assim, o sistema fornecerá informações detalhadas sobre o status do benefício, como datas de pagamento e eventuais pendências.

Um celular mostra na tela o app do benefício do 'INSS', um cofre de porquinho rosa está ao lado e cédulas de 50 e 100 reais em baixo.
Imagem: rafastockbr / shutterstock.com

Consulta por outros meios

Além da consulta digital, o beneficiário do BPC também pode optar por realizar a consulta através da Central de Atendimento do INSS, pelo número 135. Para aqueles que preferem um atendimento presencial, é possível agendar um horário em uma das agências do INSS. Lembrando de verificar a disponibilidade e possíveis greves que possam afetar o atendimento local.

Contudo, é importante destacar que, independente da forma de consulta escolhida, é importante ter em mãos documentos pessoais como RG, CPF, comprovante de residência atualizado e, no caso de pessoas com deficiência, documentos que comprovem a condição, como laudos médicos detalhados.

Veja também:

Caixa encerra 1° trimestre com lucro bilionário; saiba mais

Por fim, se seu BPC foi aprovado, o próximo passo é aguardar o depósito do benefício na conta corrente ou poupança que você indicou durante o processo de solicitação.

Imagem: rafastockbr / shutterstock.com