Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Banco Central afirma que “golpe do Pix agendado” é boato

Veja o que diz a instituição sobre a suposta fraude.

0

O sistema Pix foi criado para facilitar a transferência de dinheiro e os pagamentos por meio de uma chave. Dessa forma, desde seu lançamento, ele está cada vez mais presente na vida dos brasileiros. Porém, paralelo ao crescente uso da ferramenta, cresce também o número de golpes usando esse sistema. O mais recente que se tornou notícia é chamado de “golpe do Pix agendado”. Nele, os golpistas usam uma transferência falsa como isca, para solicitar dinheiro à vítima.

Recentemente, entretanto, um post no perfil do Banco Central no LinkedIn afirma que o golpe não passa de um boato. Isso porque o banco que vai receber a transferência não tem como saber que existe um Pix agendado e a informação também não fica visível para quem vai receber o valor. Pelo menos não até que a transação seja confirmada. Assim, a informação de agendamento também não aparece no extrato do cliente ou em qualquer outro lugar.

Banco Central afirma que “golpe do Pix agendado” é boato

Desse modo, segundo o Banco Central, o conteúdo é falso e a descrição da armadilha montada pelos golpistas não funcionaria na prática. Até porque, de acordo com a mensagem que está sendo compartilhada na internet, a vítima recebe uma notificação de um PIX de um desconhecido, que estaria na “opção agendada”.

Em seguida, a pessoa que enviou o dinheiro entra em contato e afirma ter feito a transferência por engano, solicitando o valor de volta. A vítima, então, faz um PIX no valor equivalente. Depois, o golpista cancela o agendamento realizado originalmente. Portanto, segundo o BC, embora exista a ferramenta de agendamento para o PIX, a descrição do tal golpe não passaria de um boato.

O que fazer em caso de golpe no Pix?

O Banco Central afirma ainda que todas as transações via Pix são rastreáveis e que, a mando de autoridades judiciais, pode identificar titulares das contas de origem e de destino de toda e qualquer transação. Além disso, a ferramenta de PIX agendado está disponível desde o lançamento da modalidade, em novembro passado.

Por fim, na última quinta-feira (17), a Polícia Civil de Santa Catarina (SC), divulgou uma cartilha com um alerta sobre o golpe do pix agendado. De acordo com a Polícia, desconfie dos valores supostamente depositados, bem como verificar o extrato do banco, e não devolva o valor no mesmo dia.

Então, a recomendação do Banco Central às vítimas do golpe é conseguir o máximo de informações sobre o criminoso, como o comprovante do Pix agendado e o número de celular, e repassá-las às autoridades. 

Enfim, gostou da matéria?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o FacebookTwitterTwitchInstagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: Brenda Rocha – Blossom / Shutterstock.com

- Publicidade -

Comentários
Carregando...