Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Bancos viram tiktokers para conseguir conquistar a geração Z

0

Para conseguir alcançar a geração Z, os grandes bancos estão investindo cada vez mais em estratégias de marketing e posicionamento de marca. Dessa forma, os bancos criam vídeos que seguem a tendência nas músicas e nas dancinhas do Tiktok. Além disso, postam tweets com um tom mais descolado, e uma linguagem mais digital.

Bancos viram tiktokers para conseguir conquistar a geração Z

De acordo com Eduardo Tracanella, a geração Z, nascida entre 1995 e 2010, tem demandas em comum com as dos millennials, nascidos entre 1980 e 1994. Entretanto, o diretor de marketing institucional do Itaú, afirma que ainda há nichos e necessidades muito particulares da geração Z.

Tracanella afirma que “É preciso cocriar e pensar alternativas de serviços e produtos que possam descomplicar a vida financeira dessa nova geração. Estamos aproveitando muito a proximidade por meio das redes sociais e mídias digitais para entender como a marca deve se comunicar se apresentar e se posicionar”.

E essa aproximação do banco Itaú, já reflete em seus números neste 1º trimestre de 2021. De acordo com o relatório de análise do comportamento de consumo do Itaú, o uso dos cartões virtuais cresceu 457% entre os jovens, quando comparado ao mesmo período de 2020. Além disso, os pagamentos por carteiras digitais subiram 192% entre os mais jovens, na mesma comparação. 

Investimentos em atendimentos eficientes e rápidos

Paralelo a isso, os bancos também tem investido para melhorar o atendimento ao cliente. É feito isso, diante de um público que cada vez mais busca rapidez, agilidade, e segurança. De acordo com uma pesquisa da Febraban em parceria com a Deloitte, o orçamento dos bancos para a área de tecnologia chegou a R$ 25,7 bilhões. Esse valor é 8% maior que em 2020.

Além disso, esse mesmo levantamento, constatou que 93% dos bancos veem o investimento em inteligência artificial, como uma prioridade para o direcionamento dos seus recursos. Dentro do mesmo total (93%), o atendimento ao cliente é a 1ª escolha em 87% das vezes.

De acordo com Tarciana Medeiros, executiva de experiência e soluções PF no Banco do Brasil, além da maior digitalização, parte dos esforços é para personalizar o atendimento. 

“Vemos uma necessidade de adequação do portfólio conforme as necessidades dessa nova geração. Também percebemos que eles são completamente ligados à internet. E mesmo quando esses jovens trazem o atendimento para o físico, a demanda é por respostas rápidas e melhoria do contato digital. Todas as coisas que fazem parte de um pacote atrativo no full bank não faz sentido para os mais jovens. Por isso a volumetria significativa de boa parte das fintechs do país vem de um público muito jovem. As aplicações mais simples, como o cartão de crédito, são muito boas para eles porque já têm, de cara, tudo o que eles precisam”, diz Medeiros.

Bancos e a diversificação de seus serviços e produtos

De forma a tentar atrair a atenção da geração Z, os bancos estão apostando em diferentes segmentos. Exemplo disso, é a entrada dos bancos no universo gamer. Bem como, a busca de parceria com empresas que não são do setor financeiro, para trazer benefícios agregados aos clientes. 

De acordo com Paulo Aguiar, líder de marketing do Next, essa deve ser a nova tendência. A qual para ele, deve ser cada vez mais forte no setor. Entretanto, a estimativa é que as iniciativas deixem de ser segmentadas por geração e idade, e passem a ter foco mais em interesses e comportamentos. 

Aguiar afirma que “Nascemos pensando nessa geração hiperconectada. Mas hoje, o nosso público é mais amplo. Gerações mais velhas estão nos descobrindo porque querem ter experiências mais simples e ágeis também. Essa está se tornando uma demanda comum a todas as gerações”.

Enfim, gostou da matéria?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: Iryna Imago/shutterstock.com

- Publicidade -

Comentários
Carregando...