Category - BANCOS

Dicas de cartões de crédito sem anuidade para renda até R$ 5.000

Muitos brasileiros utilizam o seu cartão de crédito como um complemento à sua renda. Ou seja, utilizam somente quando está terminando o mês, pois o dinheiro termina bem antes disso. Nestes casos, é importante pensar na relação custo-benefício do seu dinheiro de plástico, e ao mesmo tempo considerar a isenção de taxas, de anuidades e demais vantagens. Pensando neste público, elencamos aqui neste post algumas dicas de cartões de crédito sem anuidade para renda até R$ 5.000. Não deixe de conferir!

Leia também:

Next: anuidade grátis para sempre de quem fizer portabilidade de salário

Mercado Livre está oferecendo retiradas de produtos em lojas físicas, novidade deve fazer você economizar nas compras.

Cartões de crédito universitários ou sem anuidade? Qual a melhor opção?

Primeiramente, aqueles consumidores que tenham renda até R$ 5.000, costumam gastar o equivalente a R$ 1.500 todos os meses. Portanto, programas de fidelidade como os do Nubank Rewards podem realmente valer a pena.

Cartões de crédito sem anuidade para renda até R$ 5.000

Credicard Zero

O Credicard Zero é um dos melhores cartões de crédito sem anuidade da atualidade. O cartão de crédito do Itaú Unibanco libera o acesso a um vasto programa de benefícios, que podem realmente surpreender você. Os benefícios começam em descontos no aplicativo de transporte colaborativo Uber, e continuam inclusive nas suas compras. Você obtém descontos nas lojas Ponto Frio, Netshoes, Zattini, Extra, Magazine Luiza, e até nas compras de passagens aéreas na Decolar.com.

Como solicitar o seu cartão Credicard Zero

Para solicitar um destes para você, entre diretamente no site do cartão de crédito e preencha os seus dados. Normalmente, dentro de 20 dias ele vai chegar na sua residência pelos Correios.

Nubank

Com o cartão de crédito sem anuidade Nubank Mastercard, você é isento de taxas, e ainda pode ir aumentando o seu limite de maneira progressiva. Isso vai depender bastante da sua utilização, e dos pagamentos em dia.

Opcionalmente, você pode participar do Programa Nubank Rewards. Para participar, é necessário pagar 190 reais à vista, ou parcelar em até 12 vezes de 19 reais. O programa permite acumular pontos e “apagar” as suas despesas, que inclui gastos com Uber, Netflix, passagens aéreas, hotéis, bem como a mensalidade do Spotify e do Deezer.

Entretanto, o Nubank Rewards somente vale a pena quando as suas despesas mensais ultrapassarem o valor de pelo menos R$ 1.900. Se você gastar menos do que isso, não compensa.

Como solicitar o seu Nubank

A solicitação do cartão de crédito Nubank é um pouquinho diferente dos demais bancos. A Fintech exige que você entre nesta página, preenchendo o seu nome, CPF e e-mail. Você ainda poderá solicitar um convite para um amigo, e isso ajudará bastante na sua aprovação.

Next

Seguindo a tendência dos “millennials”, o Banco Bradesco lançou uma proposta totalmente jovem, para competir com os bancos digitais, e com três meses sem o pagamento da parcela da anuidade. O Next veio com uma proposta semelhante, mas que não é “de graça”. Entretanto, mesmo sem a isenção total de tarifas como o Banco Inter, em alguns casos realmente vale a pena.

O Next possui uma grande quantidade de parceiros que concedem descontos bastante interessantes, e que você pode inclusive conferir neste post. Com ele, você tem direito a descontos no Uber, no iFood, na rede de cinemas Cinemark, em compras na Livraria Cultura, na Natura, e muito mais.

Para solicitar o seu cartão Next, abra a sua conta neste link.

Santander Free

cartão de crédito Santander Free

Por fim, não poderia deixar de ser mencionado o cartão de crédito digital Santander Free. Ele isenta de anuidade aqueles clientes que gastarem pelo menos R$ 100 ao mês. Entretanto, gastando abaixo disso, você precisa pagar uma fração da anuidade.

Entre as vantagens deste cartão, você pode participar do programa Mastercard Surpreenda, acumulando pontos e descontos em lojas e restaurantes. Cumulativamente, você ainda pode participar do Esfera, que é outro programa de vantagens, o oficial da instituição financeira.

Para solicitar o seu cartão de crédito sem anuidade Santander Free, entre no site da instituição financeira, preencha seus dados e aguarde a sua aprovação.

Considerações finais

Se a sua renda é até R$ 5.000, você utiliza o seu cartão de crédito como um complemento para a sua renda no final do mês. Obviamente que os benefícios terão grande importância na sua escolha. Portanto, avalie todas as nossas dicas de cartões de crédito sem anuidade para renda até R$ 5.000, e escolha aquele que atenda as suas necessidades.

Gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Para acompanhar os artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto das fintechs.

Banco Inter segue negando vazamentos de dados dos clientes

dados dos clientes

Ontem (2), o Banco Inter voltou a negar que os dados dos clientes foram vazados. A instituição Financeira foi questionada pela CVM sobre uma investigação do MPF do Distrito Federal. A investigação pede uma indenização de R$ 10 milhões pelo vazamento. No entanto, o Banco Inter disse que não foi citado ainda formalmente a respeito do ajuizamento da ação judicial. Além disso, o banco reafirmou sobre a convicção da inexistência do comprometimento dos seus sistemas de segurança. Ou seja que não houve o vazamento de dados dos clientes.

Dicas de cartões de crédito sem anuidade para renda até R$ 5.000

Em contrapartida, o órgão afirma que a segurança dos dados de 19.961 correntistas foi exposta. Sendo que do total, 13.207 clientes tiveram informações bancárias, como número da conta, senhas, endereço, CPF e telefones vazados. Ainda segundo o órgão, 4.840 dados de clientes de outros bancos que fizeram transações com usuários do Inter também foram comprometidos.

Leia mais:

Vazou! Dados de 264 mil clientes da Atlas Quantum são expostos na rede [URGENTE].

Como saber se os seus dados do Banco Inter foram vazados.

Mesmo com denúncia do MP, Banco Inter cresceu em 2018, revela Bradesco BBI.

O Banco Central, segundo o relatório do MPF, enviou ao órgão um CD em que contém os dados cadastrais vazados. Isso inclui senhas de conta e de cartão de crédito, mas que não foram enviados devido ao sigilo bancário. Esses dados, no entanto, teriam sido ofertados na Deep Web. O documento ainda relata que o Inter teria ameaçado uma testemunha para que se encerrasse a investigação informal.

“As tentativas de encobrir o incidente de segurança, promovidas pelo Banco Inter, geraram prejuízos morais e insegurança aos clientes, não clientes, investidores, acionistas, ecossistemas de Fintechs e Startups brasileiros de dados, bem como na confiabilidade da migração dos serviços de processamento, armazenamento e de computação em nuvem das instituições financeiras”, afirmou o coordenador da Comissão de Proteção dos Dados Pessoais do Ministério Público do DF, promotor de Justiça Frederico Meinberg.

O Banco enviou uma nota, na época da primeira notícia sobre o vazamento, pelo Tecmundo, em maio. Ela dizia que “conforme a Lei 5.250/1967, Art. 16, é crime a divulgação de “notícias falsas ou fatos verdadeiros truncados ou deturpados” a respeito da instituição financeira, ou para causar “perturbação da ordem pública ou alarma social”. Depois, questionado pela CVM, publicou o comunicado abaixo:

Confira a resposta do Banco Inter:

“O Banco esclarece que tomou conhecimento da divulgação da referida notícia e que não procedem as informações divulgadas pela reportagem de que teria ocorrido um ataque cibernético bem-sucedido ao Banco, resultando no vazamento de informações dos clientes do Banco.

Trata-se de notícia inverídica, com conteúdo técnico questionável e impreciso, publicada com o objetivo exclusivo de prejudicar a reputação do Banco Inter. O Banco Inter foi vítima de uma chantagem interna e imediatamente acionou as autoridades policiais. Considerando que não houve invasão e, tampouco comprometimento dos sistemas de segurança do Banco, entendeu-se não se tratar de fato relevante.

O Banco atesta a robustez de seu sistema operacional, sendo que constantemente aperfeiçoa a sua segurança digital mediante adoção da melhor tecnologia disponível aos seus clientes. Uma evidência disso é o fato do Banco Inter ter sido o primeiro no Brasil a mudar suas operações para hospedagem em nuvem, através da Amazon Web Services (AWS), no primeiro trimestre de 2018.”

Banco Inter MPF by Gustavo José Endler Kahil on Scribd

Gostou da notícia sobre o vazamento dos dados dos clientes do Banco Inter?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Para acompanhar os artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto das fintechs.

Fontemoneytimes.

Nubank é pesquisado mais de 1 milhão de vezes em buscadores como Google e Bing

A SEMrush, que é uma líder global de marketing digital, fez um levantamento para mapear quais são as startups mais procuradas nos buscadores pelos brasileiros. Em primeiro lugar, a iFood registrou o maior número de pesquisas, enquanto que a Nubank ficou em segundo lugar, com mais de 1 milhão de buscas ao mês. Os resultados foram publicados no site Brasil247. Ficou curioso? Portanto, confira a lista completa das startups logo a seguir.

Leia também:

Banco Inter segue negando vazamentos de dados dos clientes.

Como contribuir ao INSS como autônomo para se aposentar.

Mesmo com denúncia do MP, Banco Inter cresceu em 2018, revela Bradesco BBI.

Nubank é pesquisado mais de 1 milhão de vezes em buscadores como Google e Bing

Como a Nubank é uma startup financeira, enfatizamos aqui neste post que a Fintech é procurada em buscadores como Bing, Yahoo e Google, nada menos do que 1.191.630 de vezes. Esta foi a média mensal pelos últimos seis meses. A iFood, que ficou em primeiro lugar, manteve média de 1,2 milhões de pesquisas pelos usuários.

Fica evidente a paixão dos brasileiros pelo roxinho, e Nubank, que ganhou grande espaço entre as Fintechs nos últimos anos, principalmente pelo público jovem e que deseja se livrar da burocracia, perda de tempo e papelada dos bancos tradicionais. No mês de junho, o Nubank chegou a 1,5 milhão de contas digitais, e 4 milhões de cartões de crédito.

Agora, confira a lista completa das startups mais pesquisadas na internet:

  • 1°:iFood – 1.232.890
  • 2°:Nubank – 1.191.630
  • 3°:PSafe – 897.299
  • 4°:MaxMilhas – 414.490
  • 5°:VivaReal – 283.680
  • 6°:Hotmart – 271.670
  • 7°:ClickBus – 215.950
  • 8°:Sympla – 150.770
  • 9°:Gympass – 134.010
  • 10°:Me Salva! – 89.970

A SEMrush é um software de busca competitiva e business intelligence. A empresa entrega dados e análises de buscas pagas e orgânicas, social media e link-building no mundo inteiro. Ademais, a empresa oferece várias ferramentas de análise competitiva. Portanto, auxiliando as empresas a fortalecerem a sua presença online, e seu posicionamento no Google. Entre os principais clientes estão: Amazon, Disney, EBay, Booking.com, HP, SalesForce, Groupon, Kickante, FedEx, entre outros.

Gostou da notícia?

Então nos siga no FacebookTwitter Instagram para continuar acompanhando os artigos sobre cartão de crédito, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado às fintechs.

Via Brasil247

Mesmo com denúncia do MP, Banco Inter cresceu em 2018, revela Bradesco BBI

Recentemente, surgiu uma notícia bombástica sobre o Banco Inter. O Ministério Público concluiu que as informações de 19.000 correntistas foram comprometidas. Portanto, pede que o banco pague 10 milhões pelos dados vazados dos seus clientes. Poucos dias depois, o Bradesco BBI avaliou que o Banco Inter cresceu em 2018. E foi um crescimento bastante expressivo, que corresponde a 55% no trimestre.

Leia também:

Vazou! Dados de 264 mil clientes da Atlas Quantum são expostos na rede [URGENTE].

Como saber se os seus dados do Banco Inter foram vazados.

Banco Inter segue negando vazamentos de dados dos clientes.

Banco Inter – denúncia do Ministério Público

Na última segunda-feira (30), a Comissão de Proteção de Dados Pessoais do Ministério Público do DF e Territórios (MPDFT), ajuizou uma ação civil pública. Na ação, é solicitada uma indenização de 10 milhões de reais, em virtude da falta de zelo do Banco Inter com os dados dos usuários que foram vazados.

Com isso, ficou constatado que os dados de 19.961 correntistas do banco foram violados. Portanto, 13.207 registros teriam dados bancários (número da conta e senha), endereço, número do CPF e telefone. Além disso, cadastros de 4.840 pessoas que realizaram transações com usuários do Banco Inter também ficaram comprometidos.

Para quem não lembra, o fato ocorreu em maio deste ano, quando o banco afirmou que havia sido vítima de uma ação criminosa, e que não houve comprometimento das segurança no ambiente externo, e tampouco à sua estrutura tecnológica. Contudo, caso o banco seja condenado, a indenização será revertida ao Fundo de Defesa de Direitos Difusos (FDD).

Banco Inter cresceu em 2018

Em contraste com a notícia anterior, o Bradesco BBI avaliou que o Banco Inter cresceu em 2018. A revelação foi feita através de um relatório que foi publicado após a apresentação dos resultados do segundo trimestre de 2018.

O Banco Inter cresceu em 2018, de maneira bastante expressiva, sendo de 55% na passagem trimestral e 8% na anual. Os números também ficaram 8% acima do que havia sido projetado pelo analista Rafael Frade. Com isso, o ativo total do banco avançou de R$ 3,558 bilhões para R$ 4,634 bilhões, o que corresponde a um crescimento de 30,2%. Por outro lado, o patrimônio líquido também subiu para R$ 918,2 milhões. Por fim, o Índice de Eficiência registrou 65,1% no trimestre, aumento de 5,4 p.p. em relação ao mesmo período do ano anterior.

Considerações finais

Curiosamente, a notícia da violação dos dados surgiu dias antes da revelação dos resultados incríveis do Banco Inter. Contudo, também o vazamento dos dados em maio de 2018, coincidiu com a apresentação dos resultados do banco naquela época.

O Banco Inter apresentou crescimento no patrimônio líquido e nos seus ativos. Atualmente, é a melhor conta digital da atualidade no Brasil, sendo a única completamente isenta de tarifas neste momento.

Gostou da notícia?

Então nos siga no FacebookTwitter Instagram para continuar acompanhando os artigos sobre cartão de crédito, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado às fintechs.

Via VEJA, Moneytimes

 

Neon+ elimina tarifas de transferências e de emissão de boleto

Com Neon+, quem fizer dez ou mais compras poderá ativar o benefício. Com isso, eliminará as tarifas de transferências e de emissão de boleto.

A empresa Neon Pagamentos lançou na última terça-feira (31/7/2018) a Neon+, que é um benefício para clientes que realizam dez ou mais compras no cartão físico ou virtual. Isso inclui até pagamentos em viagens de Uber, por exemplo. Portanto, através do benefício os clientes terão isenção nas tarifas de transferências (TED) e na emissão de boletos por 30 dias. Confira mais essa novidade na conta digital e veja como ativar o benefício na sua conta.

Leia também:

Novas regras do cartão de crédito podem criar superendividados

Como funciona o Neon+

Através do Neon+, os clientes que realizarem dez ou mais compras no cartão físico ou virtual, terão a isenção. Com isso, os clientes ficam isentos de tarifas para emissão de boletos e transferências (TEDs) por 30 dias após a ativação. Neste momento, a Fintech não cobra anuidade, e não cobra pelo primeiro saque, transferência e boleto do mês. Depois disso, o cliente paga apenas pelo serviço que utilizar.

Ao longo do mês de agosto, todos os clientes do Neon poderão habilitar a funcionalidade – Neon+. Portanto, com essa ação, a Fintech está evoluindo de acordo com as necessidades do mercado e dos seus usuários. Tudo porque considera quais são os melhores caminhos para viabilizar tais pedidos.

De acordo com Pedro Conrade (CEO da Neon), essa ação deriva do resultado da parceria da empresa com os seus clientes.

“Queremos ser a melhor alternativa de conta para quem tem um comportamento 100% digital. Cada vez menos utilizamos dinheiro em espécie, em comparação às compras com cartão, e a tendência é que isso se torne ainda mais forte. Com a Neon+ queremos incentivar as pessoas a usarem o cartão de débito, o cartão virtual, e a confiarem em seus celulares para fazer transações, usando, inclusive, serviços como o Samsung Pay e Google Pay”, comenta.

A Fintech possui clientes de todas as idades, que possuem comportamento digital. Contudo, que possuem mais atração por serviços feitos diretamente em aplicativos.

“Acredito que a Neon+ é uma novidade que vai nos aproximar de nossos clientes e seguiremos desenvolvendo soluções para simplificar ainda mais a vida financeira das pessoas”, conclui Pedro.

Neste momento, a Fintech disponibiliza os seguintes serviços:

  • Conta digital
  • Transferências
  • Pagamentos de contas
  • Emissão de boletos
  • Saques na rede 24h
  • Investimento em CDB
  • Recarga de celular
  • Cartão de débito
  • Cartão virtual.

A Neon atua sem agência física. Caso você queira abrir uma conta, basta baixar o aplicativo, disponível para Android e iOS, desde que tenha uma câmera frontal. É importante ressaltar que é necessário ter mais de 18 anos e um CPF válido. Por fim, consulte maiores informações diretamente no site www.neon.com.br/neonmais.

Gostou da notícia?

Nos siga no FacebookTwitter e Instagram para continuar acompanhando os artigos sobre cartão de crédito, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado às Fintechs.

Para bater Nubank? Mastercard Black do Pag! será lançado este ano

Mastercard Black do Pag

Mastercard Black do Pag será lançado em breve. Recentemente postamos que o Nubank não tem interesse em lançar a versão black do seu cartão de crédito. Isso porque esse cliente é muito caro para a empresa, o que acaba não sendo um bom negócio para a fintech. No entanto, o Pag! anunciou, segundo o canal do YouTube “Cartões de Alta Renda”, na Feira de Fintechs que lançará o Mastercard Black.

Mastercard Black do Pag será lançado este ano

Como sabemos, os cartões de crédito Mastercard Black são voltados para clientes de alta renda. Ou seja, a renda mínima geralmente fica em torno de R$ 10.000,00 a 20.000,00.

Leia também:

Cartão American Express é voltado para público diferenciado com benefícios nacionais e internacionais.

Vantagens e desvantagens do cartão de crédito Pag!, vale a pena?

Pag! está investindo alto para bater o Nubank.

Primeiramente, o cartão será disponibilizado, preferencialmente, para clientes que já possuem o Pag!, sempre pagam suas contas em dia, têm um bom limite e movimentam bastante sua conta. Quando for o momento de oferecer o produto, o cliente poderá solicitar o cartão pelo aplicativo da empresa.

Na sequência, será disponibilizado o Mastercard Black do Pag! para quem tiver interesse em adquiri-lo, mas ainda não é cliente da fintech. Entretanto, os requisitos não foram informados pela fintech.

O lançamento oficial do produto será entre setembro, outubro e novembro.

Benefícios oferecidos pelo cartão Mastercard Black

  • Assistência médica em viagens;
  • Black Events (eventos exclusivos para associados);
  • Concierge;
  • Descontos e serviços especiais no Shopping Aventura Mall, em Miami.
  • MasterCard Surpreenda;
  • Sala Vip MasterCard Black;
  • Seguro bagagem;
  • Seguro de acidente em viagens no valor de 1 milhão de dólares;
  • Seguro de automóveis no Brasil e no exterior;
  • Seguro de garantia estendida;
  • Priceless Cities;
  • Proteção de compras: As compras adquiridas com o Mastercard Black são garantidas a você e a sua família. Ou seja, é oferecida uma cobertura de US$5.000 para reparar ou substituir os produtos, nacionais e importados, que possam ter sido roubados, furtados ou danificados dentro de um prazo de 90 dias depois da data da compra.
  • Reposição emergencial do cartão no Brasil e no exterior;

Gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Para que assim você possa acompanhar os artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto das fintechs.

Fonte: Cartões de Crédito Alta Renda.

Novas regras do cartão de crédito podem criar superendividados

As novas regras do cartão de crédito e do cheque especial que foram determinadas pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) em abril de 2017, poderão criar superendividados. Agora, o consumidor terá que quitar integralmente a dívida do rotativo do cartão, dentro do período de 30 dias. Antes, todo mundo podia efetuar o pagamento mínimo do cartão de crédito até o vencimento para não ficar inadimplente. O saldo era atualizado, e o consumidor podia seguir pagando o mínimo até que que conseguisse saldar o valor total. Portanto, era criada uma verdadeira “bola de neve”, impagável.

Leia também:

4 novas regras do cheque especial que entraram em vigor e você nem sabia.

Cartão de crédito Daycred é sem anuidade e sem consulta ao SPC/Serasa.

Para bater Nubank? Mastercard Black do Pag! será lançado este ano.

Entenda as novas regras do cartão de crédito e cheque especial

As mudanças foram projetadas pensando em evitar o efeito “bola de neve”. No entanto, infelizmente elas podem acarretar em mais dívidas ao consumidor. De acordo com a determinação do CMN, o consumidor somente poderá efetuar o pagamento mínimo uma única vez, e o banco deve oferecer uma linha de crédito que financie o saldo devedor com juros menores que o rotativo. Em tese, criando uma dívida menor.

Cartão de crédito

Entretanto, na prática não é isso o que provavelmente vai acontecer com aqueles consumidores mais “desavisados”. Com o fim da exigência do pagamento mínimo de 15% da fatura, os bancos vão estipular qual o valor mínimo para cada cliente. Ao oferecerem para o cliente uma proposta alternativa, poderão ser contratados vários financiamentos. Com isso, o que seria apenas uma dívida, vai passar a ser duas ou mais, isso sem mencionar que o cliente poderá financiar saldos devedores e seguir contraindo mais dívidas no cartão de crédito.

Cheque especial

Para o cheque especial, vai funcionar de maneira semelhante. Aqueles consumidores que utilizem por mais de 30 dias consecutivos mais de 15% do limite do cheque especial, desde que com saldo mínimo negativo de R$ 200, terão uma oferta do banco para quitar a dívida. Contudo, ninguém será obrigado a contratar um empréstimo, mas se o consumidor optar, poderá manter os limites de crédito contratados.

Para as instituições financeiras, será muito interessante, pois os níveis de inadimplência serão amplamente reduzidos. Especialmente em virtude de uma maior flexibilidade nas negociações com os seus clientes.

Considerações finais

É importante salientar que o melhor a se fazer é nunca precisar do seu limite do cartão de crédito. Além disso, tampouco pagar o mínimo da sua fatura do cartão de crédito. Aprenda a viver com a sua remuneração mensal, e busque sempre a educação financeira para evitar a famigerada “bola de neve”. Estando tudo certo, você não será impactado pelas novas regras do cartão de crédito .

Por fim, sabendo utilizar da maneira correta o seu cartão de crédito, e pagando a sua fatura sempre em dia, pode servir de ajuda para controle das suas finanças. Infelizmente, a maior parte da população ainda precisa aprender a economizar e a utilizar o seu dinheiro da maneira correta.

Gostou da notícia?

Nos siga no FacebookTwitter e Instagram para continuar acompanhando os artigos sobre cartão de crédito, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado às Fintechs.

Confira a RESOLUÇÃO Nº 4.549 do BACEN

Nubank vai atualizar automaticamente dados de segunda via do cartão em apps e sites

dados de segunda via

O Nubank anunciou, hoje (31), em parceria com a Mastercard, um recurso que ameniza os problemas de troca do cartão. A solução é voltada para quando o cartão é expirado, danificado, perdido ou roubado/furtado. A tecnologia desenvolvida pela Mastercard vai poupar o cliente de ter que acessar todos os serviços online com pagamentos recorrentes para atualizar os dados de segunda via do cartão.

Leia mais:

Nubank adiciona recurso de reordenar atalhos e desbloqueio por biometria.

Por que o Nubank aumenta o limite do cartão de crédito “do nada”?

5 Serviços essenciais que o Nubank não possui.

Como vai funcionar a atualização dos dados de segunda via do cartão

Ou seja, isso significa que os dados serão automaticamente inseridos em sites e apps que o cliente já tenha cadastro. Portanto, isso dispensará o trabalho de ter que entrar com os novos dados de forma manual em todos os sites. Isso elimina o risco do cliente ficar sem o acesso ao serviço pelos dados de pagamentos estarem incorretos.

“Em caso de troca do plástico, os consumidores não precisam recadastrar o cartão para compras recorrentes”, explica Renato Ottoni, diretor de soluções de segurança da Mastercard para Brasil e Cone Sul.

São 13 mil estabelecimentos que são compatíveis no mundo inteiro, alguns famosos como iFood, Netflix e Spotify.

A Mastercard foi quem desenvolveu o recurso, disponibilizando aos emissores de cartão que atuam no país.

O Nubank informou ao Gazeta do Povo que, por mês, 30 mil clientes solicitam a reemissão por perda, dano ou roubo. A novidade irá contribuir para resolver problemas causados por esses contratempos.

Dennis Wang, VP de operações do Nubank, diz que espera “garantir que a rotina dos nossos clientes seja ainda menos afetada se algo acontecer com o cartão deles”.

Todos os clientes do Nubank irão receber o novo recurso no decorrer desta semana e ele será ativado por padrão. No entanto, caso o cliente não desejar, pode solicitar a desativação diretamente ao atendimento da fintech.

Gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Para que assim você possa acompanhar os artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto das fintechs.

FonteGazeta do Povo.

Cliente do Banco do Brasil pode fazer saque sem precisar do cartão

Saque Sem

A vida digital está nos proporcionando algumas situações que antigamente eram inimagináveis. O mercado financeiro também está participando dessa revolução e os bancos tradicionais estão se adequando a isso. Por isso, os correntistas do Banco do Brasil possuem, há algum tempo, o recurso de realizar saques sem o cartão. A instituição financeira disponibilizou, desde 2015, no app para Android e iOS, uma ferramenta chamada de “Saque Sem”. O recurso permite que os clientes façam saques em caixas eletrônicos apenas utilizando o seu smartphone.

Leia também:

Clientes do Banco do Brasil já podem enviar dinheiro via app para o exterior.

Bradesco Prime Digital é para quem não quer perder tempo em agência.

O recurso é interessante porque se o correntista esquecer o cartão em casa, ele fará o saque sem problemas. Além disso, a novidade também permite que o usuário libere um saque remotamente para alguém, como em pagamentos de terceiros, até porque o um código é gerado pelo smartphone e ele funciona apenas uma vez, o que torna totalmente seguro o processo.

Saque Sem

O recurso é uma maneira inovadora de realizar saque em caixas eletrônicos do BB, utilizando a internet, o app ou ainda por mensagem SMS. O cliente solicita um código de sete a nove dígitos e pode sacar o valor desejado em qualquer caixa eletrônico do Banco do Brasil.

Sendo que ao informar o código gerado e o valor da retirada, é possibilitado que o cliente efetue um saque próprio ou para pagar terceiros, até porque a pessoa só precisará do código gerado e o valor.

No entanto, é importante mencionar que o BB só permite saques de até R$ 300,00 sem o cartão do banco. O código gerado pelo saque é válido para uso uma vez apenas e no dia que foi solicitado.

Por fim, a solicitação de saque pode ser realizada pelo internet banking, app ou enviando a sigla SS para o número do Banco do Brasil: 40040001. Obviamente que você precisará mandar a mensagem de um celular cadastrado no banco.

Gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Para que assim você possa acompanhar os artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto das fintechs.

Bradesco Prime Digital é para quem não quer perder tempo em agência

Bradesco Prime Digital

O Bradesco Prime é direcionado a clientes de alta renda do Bradesco e oferece uma série de produtos diferenciados. O banco também permite a possibilidade do cliente escolher o Bradesco Prime Digital – opção de cliente que não deseja ir à agência, podendo fazer contato por meio de outros canais de atendimento, como telefone, e-mail, chat e vídeo atendimento. No entanto, se desejar, você pode acessar o Bradesco Prime pelo Internet Banking, Bradesco Celular e as Máquinas de Autoatendimento para fazer pagamentos, transferências e outras transações.

Leia mais:

Cartão BNDES dá crédito de até 2 milhões por banco para empreendedores.

Bradesco lança cartão Visa Aeternum focado em clientes de alta renda.

Cartão pré-pago Bradesco DIN permite portabilidade de salário.

Além disso, o cliente tem um gerente disponível para atendê-lo sempre das 7:00 à meia-noite, de segunda a sexta-feira. Depois desse horário, você poderá contar com um atendimento personalizado no Fone Fácil Bradesco Digital, disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana.

O cliente pode receber desconto de 50% ou até 100% na mensalidade. Isso dependerá do seu volume de negócios mensal. Consulte aqui a cesta de serviços Prime.

Benefícios Bradesco Prime Digital

Bradesco Prime Digital

  • Atendimento flexível, com horário estendido;
  • Depósitos pelo celular;
  • Limites personalizados e adequados para sua necessidade;
  • Biometria, assinatura digital e Token no celular;
  • 100% das transações de forma digital;
  • Consultores Online (confira mais detalhes logo abaixo);
  • Infoemail e Infocelular (confira mais detalhes logo abaixo).

Consultores Online

O cliente do Bradesco Prime Digital também tem acesso a consultores online que vão lhe dar assessoria completa para investimentos e planejar o futuro. Além disso, o cliente conta com orientações sobre investimentos e Previdência.

Infoemail e Infocelular

Outro serviço disponível para o cliente é o acompanhamento da movimentação financeira por e-mail ou por SMS. Você poderá escolher a informação que deseja receber no seu e-mail ou celular, como saldos, últimos lançamentos, transferências, entre outros.

Mobile Banking

Com o app Bradesco, você pode consultar as diversas transações bancárias disponíveis. Inclui-se como por exemplo, fazer depósito em cheque sem precisar ir na sua agência. O app está disponível para Android e iOS.

Considerações Finais

Portanto, para quem é cliente do Bradesco Prime ou quer abrir uma conta no banco, o serviço pode lhe satisfazer dependendo do seu perfil financeiro. Até porque você poderá receber um serviço mais personalizado e online, caso não queira perder tempo indo numa agência física. Além disso, poderá também dependendo da sua movimentação financeira, receber isenção total ou parcial da mensalidade.

Gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Para que assim você possa acompanhar os artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto das fintechs.

Fonte: Bradesco.