Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Como solicitar crédito para a sua empresa pelo novo Pronampe

Cerca de 5,3 milhões de empresas podem solicitar crédito através do Pronampe (Programa Nacional de Apoio às Empresas de Pequeno Porte).

0

As novas regras do Pronampe (Programa Nacional de Apoio às Empresas de Pequeno Porte) já estão em vigor. Cerca de 5,3 milhões de empresas podem solicitar essa linha de crédito. De acordo com a Receita Federal, são 4,3 milhões de empresas do Simples Nacional, e 1 milhão de firmas fora do Simples Nacional. Confira abaixo, como solicitar crédito pelo novo Pronampe.  

Como solicitar crédito para a sua empresa pelo novo Pronampe

No início desta semana, a Receita Federal encaminhou um comunicado para as empresas que podem solicitar crédito pelo programa. Segundo o órgão, a mensagem possui informações sobre os valores de receita bruta de 2019 e 2020. Além disso, tem o hash code (código com letras e números) para fazer a validação dos dados, ao buscar os agentes financeiros participantes do Pronampe.

Para solicitar crédito, a microempresa precisa ter faturamento anual de até R$ 360 mil. Além disso, as pequenas empresas com o faturamento anual entre R$ 360 mil e R$ 4,8 milhões, também podem solicitar. 

O valor do empréstimo pode chegar a até 30% da receita bruta anual da empresa em 2019. Por outro lado, os negócios com menos de 1 ano de funcionamento, possuem o limite de até metade do capital social. Ou ainda, até 30% da média do faturamento mensal.

É possível pagar pelo crédito em até 48 vezes, e ter até 11 meses de carência. Os juros ao solicitar crédito equivalem à taxa Selic + 6% ao ano. No momento, a Selic está em 3,5% ao ano.

As empresas podem usar o recursos para fazer investimentos, bem como o capital de giro isolado, ou associado ao investimento. Assim, além de poder fazer reformas, a empresa pode usar o recurso para despesas operacionais. 

Por fim, quem não recebeu o comunicado, mas entregou as declarações de 2020 para a Receita Federal, também vai poder solicitar crédito. É dito isso, pois o órgão vai emitir o código para os bancos, e o empresário pode fazer o pedido de crédito. 

Enfim, gostou da matéria?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim,  milvocê vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

imagem: foto divulgação Pronampe

- Publicidade -

Comentários
Carregando...