Com os altos limites, muitas vezes o cidadão pensa em comprar um carro parcelado no cartãocomprar carro no cartão de crédito. Mas, será que isso vale a pena realmente, ou é uma furada? A maioria das concessionárias permite parcelar a compra de um automóvel no cartão de crédito, e em alguns casos, você pelo menos pode parcelar parte do valor.

É provável que você também goste:

MatchMoney permite investimento que remunera mais de 341% do CDI e com muita segurança.

De praxe, as concessionárias aceitam essa modalidade desde que seja cerca de 10% do valor do carro, e o restante seja parcelado, se você quer parcelar sem juros, não deve ser mais do que 10 vezes. Além disso, o valor da parcela não pode ultrapassar R$ 10 mil.

Vale a pena comprar carro no cartão de crédito?

Então, até vale a pena comprar carro no cartão de crédito, mas é necessário ter alguns certos cuidados. Primeiramente, você precisa ter condições de comprar esse carro sem comprometer o orçamento familiar. Sabemos que o cartão de crédito é a reserva de muitas famílias, e se você compromete esse seu crédito, pode acabar ficando em maus lençóis no caso de uma dívida inesperada ou algo do tipo.

Mas parcelar o carro no cartão de crédito é uma boa para quem não tem todo o dinheiro necessário para dar de entrada. Além disso, você poderá estar acumulando pontos ao comprar carro no cartão de crédito com algum programa de fidelidade, usando-o para comprar o carro. Sendo uma compra de alto valor, tanto a pontuação quanto seu próprio limite podem aumentar, dependendo do cartão que você usa.

Taxa de juros

A taxa média de juros para financiamento imobiliário dos bancos é de 1,5% ao mês e cerca de 19% ao ano. Enquanto isso, você pode comprar carro no cartão de crédito, parcelando sem jutos (dependendo das condições da concessionaria), como diz o próprio nome, não vai gerar juros.

Sabe o que isso quer dizer? Sim, vale a pena parcelar carro no cartão de crédito, mas desde que seja sem juros. Ademais, a taxa de juros do cartão de crédito é de 298,6% ao ano, o que é bem mais (muito mais) do que a taxa de financiamento.

Então sim, vale a pena usar o seu cartão de crédito para financiar seu carro. Mas existe alguns poréns que vamos falar adiante.

Cuidado com o limite do cartão

A primeira coisa a saber é que, quando você tem um cartão de, digamos, R$ 5.000 de limite, e usa esses R$ 5.000 em uma compra parcelada, serão “comidos” os seus R$ 5.000 de limite. Então é fundamental você saber que seu cartão de crédito ficará sem limite no primeiro mês. A cada pagamento de fatura, esse valor pago vai retornando ao limite. Sendo assim, ao comprar carro no cartão de crédito, prepare-se para dispensar o uso deste cartão de crédito por um tempo.

Se você pretende comprar carro no cartão de crédito, a grande questão está no tamanho do seu limite de compras. Isso porque os valores de um carro são altos, ou seja, você precisa de um limite alto também. Mais difícil ainda é parcelar o valor total do veículo.

Cuidado com os valores das parcelas

No caso de você ter um limite alto no seu cartão, outro fator a ser levado em conta ao parcelar o carro no cartão de crédito é o valor das parcelas. Os cartões de crédito só parcelam em até 12 vezes. Então, dependendo do valor a ser parcelado, as prestações podem ficar muito mais caras do que um financiamento. No financiamento as parcelas podem ser de até 24, 36 ou 48 vezes, normalmente.

Calcule o valor das prestações se for comprar carro no cartão de crédito, e veja se elas cabem no seu orçamento. Isso porque no caso de você atrasar parcelas ou acabar entrando no crédito rotativo, que é o pagamento mínimo do seu cartão de crédito, os juros serão maiores do que o financiamento, além da grande chance de se tornar um superendividado. Por isso, sempre faça esse tipo de decisão com cautela, e pensando muito bem antes em todas as consequências.

Dividindo entre cartão de crédito e financiamento bancário

Mas a boa notícia é que você não necessariamente precisa comprar carro no cartão de crédito integralmente. É possível parcelar a entrada ou apenas parte dela no seu cartão de crédito, e financiar o restante do valor com o banco. Essa é uma boa alternativa porque você pode cortar parte dos juros do financiamento.

O cuidado que você deve tomar nesse caso de comprar carro no cartão de crédito é que você deve conciliar com as parcelas do financiamento. Portanto, tenha consciência de que será duas dívidas, e some os valores delas antes de fazer a compra, para saber se você pode pagar esse valor.

Benefícios de comprar carro no cartão de crédito

Um dos maiores benefícios de parcelar o carro no cartão de crédito é que no caso de você não pagar a dívida. O carro será seu, e não da financeira como em um financiamento através do banco. Ou seja, se você deixar de pagar, o banco não toma de você, como no financiamento bancário.

Além disso, se a concessionária receber todo o dinheiro no ato. Independente de ter parcelado o veículo no cartão de crédito, o carro já pode ser transferido para seu nome.

Enfim, gostou do artigo?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o Facebook, Twitter e Instagram. Assim continuará acompanhando artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.