Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Conta de luz: horário de pico aumenta custos; saiba mais

Saiba como o horário de pico pode aumentar sua conta de luz e descubra dicas para economizar energia e reduzir custos!

O horário de pico pode ser o grande vilão da conta de luz. Nesse sentido, o consumo de energia elétrica durante esses períodos pode resultar em tarifas mais altas, impactando significativamente o valor total da sua conta.

Dessa forma, saiba mais informações sobre esse período de tempo, por que ele afeta sua conta de luz e como o consumidor pode adotar medidas para reduzir os custos. Continue a leitura!

Por que o horário de pico impacta a conta de luz?

Sobre um boleto, estão uma lâmpada e algumas moedas.
Imagem: Brenda Rocha – Blossom / shutterstock.com

Caracterizado pelo intervalo de tempo em que há maior demanda por eletricidade, o horário de pico ocorre geralmente no final da tarde até o início da noite, em dias úteis. Esse aumento na demanda acontece devido ao uso simultâneo de equipamentos elétricos, como ar-condicionado, computadores e iluminação intensiva.

Tal pico eleva os custos de geração de energia, custos esses que são repassados aos consumidores na forma de tarifas mais altas na conta de luz.

Como evitar gastos excessivos nesse período?

Existem várias estratégias que os consumidores podem adotar para minimizar o consumo de energia durante esses períodos críticos. Programar o uso de aparelhos de alto consumo para horários de menor tarifação é uma delas. Além disso, a utilização de tecnologias mais eficientes, como lâmpadas de LED, pode ajudar significativamente na redução do consumo.

Veja também:

Às pressas, Anvisa manda retirar 9 cafés contaminados até com vidro

Aliás, desligar equipamentos que não estão em uso e otimizar a configuração do ar-condicionado são práticas simples, mas eficazes. Por fim, entre os benefícios a longo prazo a partir da implementação de energias renováveis, estão:

  • Economia significativa: a longo prazo, sistemas como painéis solares podem reduzir drasticamente o valor da conta de luz;
  • Sustentabilidade: ao investir em fontes renováveis, contribuímos para a diminuição da dependência de recursos não renováveis;
  • Valorização do imóvel: imóveis equipados com sistemas de energia renovável tendem a se valorizar mais no mercado.

Imagem: Brenda Rocha – Blossom / shutterstock.com