Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Entenda por que eu decidi sair da poupança

Confira também algumas opções de investimento seguras que rendem bem mais.

0

Quem costuma assistir às lives diárias do Seu Crédito Digital no Youtube, às 20h, sabe que eu finalmente decidi sair da poupança. E o principal motivo sem dúvida é a sua baixa rentabilidade, pois ela rende menos do que a inflação. Sendo assim, quem investe na poupança, na prática, está perdendo dinheiro.

O rendimento da poupança varia de acordo com a época em que a pessoa começou a investir. Se você começou a investir na poupança antes de 4 de maio de 2012, você aderiu à “poupança velha”, que é um pouco melhor do que a “poupança nova”.

A rentabilidade da poupança velha é de 0,5% ao mês, mais a taxa referencial (TR), que vale 0. Dessa forma, quem investe na poupança velha, tem uma rentabilidade de cerca de 6% ao ano. A inflação prevista para 2021, vale lembrar, é de mais de 8% ao ano, ou seja, um valor maior do que o rendimento da poupança velha.

Já para quem aderiu à poupança nova (isto é, quem começou a investir a partir de 4 de maio de 2012), o rendimento funciona assim: quando a taxa Selic estiver acima de 8,5% ao ano, seu rendimento é o mesmo da poupança velha: 0,5% ao mês + TR. Por outro lado, quando a Selic estiver igual ou inferior a 8,5% ao ano, ela rende 70% da Selic + TR.

Seja membro

Sendo assim, considerando que a taxa Selic atual está em 5,25% ao ano, o rendimento da poupança nova é de cerca de 3,7% ao ano.

Mas por que as pessoas ainda investem na poupança?

A poupança em geral é uma das primeiras opções de investimento procuradas pelas pessoas devido à sua segurança. Afinal, ela conta com a cobertura do FGC (Fundo Garantidor de Créditos) para valores de até R$ 250 mil por CPF. Além disso, outro ponto positivo da poupança é que ela é isenta de imposto de renda para valores até R$ 50 mil, além de não ter cobrança de IOF ou taxas administrativas.

No entanto, há vários outros investimentos que também são bastante seguros e rendem muito mais do que a poupança, mesmo descontando eventuais taxas e impostos. Confira algumas boas opções a seguir para você finalmente sair da poupança:

CDB (Certificado de Depósito Bancário)

Esse tipo de investimento rende cerca de 1% ao mês. Ou seja, em um ano, o rendimento será de cerca de 12%, um valor bem acima da inflação e da poupança. Além disso, ele também conta com a proteção do FGC. No entanto, sobre esse rendimento há incidência de Imposto de Renda, que pode variar de 15% a 22,5% dependendo do prazo do investimento. Contudo, mesmo com descontando o IR, esse investimento é melhor do que a poupança.

LCI (Letra de Crédito Imobiliário)

Esse investimento, que pode ser indexado ao CDI, IGPM ou ao IPCA, é uma boa opção de investimento sobretudo para quem tem objetivos de médio e longo prazo. Além disso, esse investimento não tem desconto de Imposto de Renda. No Banco Inter, há várias opções de investimento em LCI e, quanto maior for o prazo para resgate, maior costuma ser o rendimento. No Inter, há opções de LCI que rendem a partir de 100% do CDI, mas há também outras opções com rendimento atrelado à inflação.

LCA (Letra de Crédito do Agronegócio)

A Letra de Crédito do Agronegócio, que também pode ser indexada ao CDI, IGPM ou ao IPCA, é sem dúvida uma boa opção de investimento com rendimentos acima da poupança e sem desconto de Imposto de Renda. No Banco Inter, você pode encontrar LCAs que rendem 10,4% ao ano, por exemplo.

Contas digitais também são uma opção para sair da poupança

Por fim, uma boa opção de investimento para quem quer poder resgatar o valor quando quiser são algumas contas digitais. Sendo assim, veja a seguir os rendimentos de algumas das principais contas rendeiras do mercado:

Nubank: o rendimento da conta do Nubank é de 100% do CDI, que, ao ano, garante uma rentabilidade de 5,15%, muito próxima da taxa Selic.

PicPay: o rendimento do PicPay é ainda maior do que o do Nubank, pois ali o seu dinheiro rende 120% do CDI.

PagBank: a conta rendeira do PagBank garante rendimento 100% do CDI para saldo que você deixa parado na conta por 30 dias; ou seja, ela rende 10% mais do que a poupança.

99Pay: uma das melhores opções entre as carteiras digitais sem dúvida é o 99Pay, que rende 220% do CDI, limitado a um valor de R$ 5 mil. No entanto, essa opção ainda não está disponível para todo o Brasil.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o FacebookTwitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: Yuliia Rubakha / Shutterstock.com

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.