Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Descubra quais são os 10 golpes mais frequentes no trânsito

Saiba mais sobre os golpes mais comuns no trânsito e aprenda a se proteger contra fraudes e situações de perigo!

O trânsito pode ser um ambiente propício para golpes e fraudes, colocando em risco a segurança e o patrimônio dos motoristas. Conhecer os golpes mais comuns no trânsito é essencial para se proteger e evitar situações de perigo.

Dessa forma, descubra quais são as 10 fraudes mais frequentes nesta situação. Ainda, conheça quais são as dicas de como se prevenir. Continue a leitura para mais informações!

Quais são os golpes mais comuns no trânsito?

Imagem desfocada de diversos veículos em engarrafamento no trânsito.
Imagem: Burdun Iliya/shutterstock.com

A lista com os golpes de trânsito mais comuns nas vias brasileiras é a seguinte:

  1. Golpe do recurso da multa: Golpistas entram em contato com condutores notificados de suspensão ou cassação de CNH no Diário Oficial do Estado, oferecendo serviços de recurso contra a penalidade;
  2. Golpe do IPVA: Criminosos falsificam páginas da Secretaria da Fazenda dos Estados, desviando o pagamento do IPVA para outra conta;
  3. Golpe da placa: Criminosos roubam a placa do veículo e abordam o motorista em locais isolados, exigindo dinheiro ou bens;
  4. Golpe da falsa batida: Criminosos causam uma colisão leve para assaltar a vítima quando ela sai do veículo;
  5. Golpe da moeda: Uma moeda é colocada na maçaneta externa do carro para evitar o travamento, permitindo o roubo posterior;
  6. Leilões falsos: Golpistas oferecem veículos em leilões falsos para obter dinheiro ou dados da vítima;
  7. Consertos rápidos e fraudulentos: Golpistas fingem ser prestadores de serviços rápidos e cobram valores exorbitantes por reparos simples;
  8. Falsos pedestres feridos: Golpistas fingem ser atropelados para extorquir dinheiro da vítima;
  9. Falsos agentes de trânsito: Criminosos fingem ser autoridades de trânsito e aplicam multas falsas ou exigem subornos;
  10. Golpe do veículo clonado: Golpistas clonam veículos e documentos para realizar crimes, deixando o verdadeiro proprietário responsável pelos delitos.

Como se proteger, afinal?

Sendo assim, para se proteger contra esses golpes de trânsito, é importante redobrar a atenção para evitar situações suspeitas, desconfiar de ofertas muito vantajosas e nunca fornecer informações pessoais ou efetuar pagamentos sem verificar a legitimidade da transação.

Veja também:

Crédito do BNDES a pequenos negócios cresce 52%

Além disso, é fundamental manter o veículo em boas condições de segurança, utilizar dispositivos de proteção contra furtos e buscar orientação das autoridades em caso de dúvidas ou suspeitas.

Imagem: Burdun Iliya / shutterstock.com