Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Dinheiro esquecido está disponível para ser resgatado; veja como consultar e sacar

Descubra dinheiro esquecido disponível para resgate! Consulte agora e saque o que é seu. Leia mais e saiba detalhes!

Na acelerada vida moderna, é comum ignorarmos detalhes no meio rotina. Um desses pontos é o dinheiro esquecido em contas bancárias e programas de benefícios, entre outros. Segundo dados divulgados pelo Banco Central em outubro de 2023, R$ 7,3 bilhões aguardam por resgate. Esses valores são de cidadãos que, por motivos variados, deixaram de sacar seus recursos.

O Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) revelou que mais de 153 mil brasileiros esqueceram de retirar seu dinheiro do PIS (Programa de Integração Social). Quando analisamos o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PASEP), a situação é ainda mais preocupante, com 387 mil beneficiários sem resgatar suas respectivas quantias.

Implicações econômicas do dinheiro esquecido

Esses valores esquecidos correspondem a cerca de 2% dos abonos salariais que deveriam ter sido pagos este ano. Vale destacar que todos esses valores fazem referência ao ano-base de 2021. Somente em 2023, foram distribuídos aproximadamente 23,9 milhões de abonos salariais, totalizando cerca de R$ 24,2 bilhões injetados na economia do país.

Pessoa entregando várias notas de R$ 100 para outra pessoa.
Imagem: Andrzej Rostek / shutterstock.com

Entretanto, uma parcela significativa desses abonos, aproximadamente R$ 535,8 milhões, ainda aguarda seus respectivos beneficiários. Ademais, odinheiro esquecido em contas bancárias não apenas representa uma perda para os indivíduos que têm direito a ele, mas também tem implicações econômicas. Isto porque esse dinheiro poderia estar em circulação, contribuindo para a economia do país.

Veja também:

ESTAS pessoas serão beneficiadas com nova medida do INSS; confira

Os valores esquecidos e como resgatá-los

Assim, os valores esquecidos não se limitam apenas aos programas PIS e PASEP. Eles também podem incluir saldos de seguros, consórcios, contas inativas ou até mesmo aplicações financeiras. Do total de R$ 7,3 bilhões apontados pelo Banco Central, a grande maioria, cerca de 63,43%, se refere a valores de até R$ 10.

Para consultar se há algum valor esquecido em seu nome, basta usar o sistema Valores a Receber, no site do Banco Central. Caso haja alguma quantia disponível para resgate, é possível fazer a transferência diretamente através do sistema, usando o PIX.

Imagem: rafapress / shutterstock.com