Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Entrega final do Imposto de Renda acaba em feriado; saiba mais!

Não perca o prazo final do Imposto de Renda! Confira as datas e evite multas. Garanta sua entrega agora mesmo!”

À medida que o prazo final para a entrega do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2024 se aproxima, marcado para esta sexta-feira, 31 de maio, contribuintes devem se atentar às modalidades de entrega e possíveis penalidades por atraso. Este ano, o prazo se encerra com a emenda do feriado de Corpus Christi (30). Proporcionando uma circunstância atípica para o fechamento do período de declarações.

Primordialmente, é importante reforçar que a Receita Federal não acolhe declarações de forma física nas agências. Dessa maneira, a entrega deve ser realizada exclusivamente por meio eletrônico, seja através do Programa Gerador de Declaração, pelo site ou pelo aplicativo “Meu Imposto de Renda”. Para lugares onde o ponto facultativo estará vigente, o atendimento volta apenas na segunda-feira (03).

O que acontece se não declarar a tempo?

Imagem de um celular deitado sobre cédulas de 100 reais e 50 reais. Na tela do celular, aparece o logotipo da Receita Federal, responsável pela cobrança do Imposto de Renda
Imagem: rafapress / Shutterstock.com

Contribuintes que não cumprirem o prazo estabelecido para entrega estão sujeitos a multa de, no mínimo, R$ 165,74, valor este aplicável para aqueles que não possuem imposto devido e que se enquadram em situações de restituição. Para os demais casos, a multa pode chegar a 20% sobre o valor do imposto devido, acrescida de juros.

A declaração do Imposto de Renda é obrigatória para quem teve rendimentos tributáveis acima de R$ 30.639,90, rendimentos isentos acima de R$ 200 mil, receita bruta em atividade rural superior a R$ 153.199,50. Além que possuía bens com valor total acima de R$ 800 mil e realizou operações em bolsa com valores acima de R$ 40 mil.

Dúvidas frequentes sobre o Imposto de Renda

Compreender as normas e diretrizes do IRPF é crucial para evitar retrabalho e multas desnecessárias. Falhas na entrega ou erros no preenchimento podem acarretar complicações legais e financeiras graves para o contribuinte. É essencial ficar atento aos prazos e regras, e não adiar a responsabilidade fiscal mais importante do ano.

Veja também:

Nubank ultrapassa Itaú e se torna o banco mais valioso do Brasil

Manter-se informado sobre as normativas do IRPF é fundamental para evitar retrabalho e multas desnecessárias. Qualquer falha na entrega ou erro no preenchimento pode resultar em complicações legais e financeiras significativas para o contribuinte. Portanto, é crucial estar atento aos prazos e regras estabelecidos, não deixando para a última hora a obrigação fiscal mais relevante do ano.

Imagem: rafapress / Shutterstock.com