Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Facebook é avaliado em US$ 1 trilhão após decisão sobre compra do WhatsApp

Empresa é a primeira americana criada após 2000 a ser avaliada neste valor.

0

A partir desta segunda-feira, 28 de junho, o Facebook se tornou a primeira empresa de tecnologia americana fundada a partir dos anos 2000 a valer US$ 1 trilhão. De acordo com a Yahoo Finance, a empresa ultrapassou a marca após o encerramento do pregão da Nasdaq realizado neste dia. O valor foi influenciado principalmente por uma decisão da Corte Distrital nos EUA. Ela anulou uma intimação da Comissão Federal de Comércio, que revertia a aquisição de WhatsApp e Instagram pela companhia de Mark Zuckerberg. Veja mais a seguir.

Facebook passa a valer US$ 1 trilhão e ações decolam

Assim, com a mudança, o índice do Yahoo Finance colocou o Facebook com um valor de mercado de US$ 1,008 trilhão até às 17h05 de segunda-feira (28) na Nasdaq. Ao encerrar do pregão na bolsa, as ações da companhia já haviam se valorizado em 4,18%, valendo US$ 355,66. Com isso, a rede social é a primeira empresa fundada após o começo do milênio a atingir a marca trilionária.

Portanto, com a valorização, o Facebook passa a ser a integrante mais nova de um grupo de grandes empresas como GoogleAmazonApple e Microsoft, que já valem mais de US$ 1 trilhão. Apple e Microsoft, hoje, valem US$ 2 trilhões cada.

Quanto à anulação da intimação para reverter a aquisição do WhatsApp, o argumento era de que a compra de concorrentes diretos no mercado de redes sociais deferia poderes de monopólio ao Facebook. Porém, o Juiz James E. Boasberg, da Corte Distrital de Columbia, em Washington D.C, recusou a queixa e achou os argumentos da agência antitruste rasos.

“A FTC fracassou em compilar fatos para comprovar os elementos necessários para as acusações previstas na Seção 2. Acusações de que o Facebook tem poder de monopólio no mercado de serviços de Personal Social Networking”, escreveu o juiz em sua decisão sobre a empresa.

Enfim, gostou da matéria?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o FacebookTwitterTwitchInstagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: sitthiphong / Shutterstock.com

- Publicidade -

Comentários
Carregando...