Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Funcionamento total do Open Banking é adiado pelo Banco Central

No dia 30 de agosto, os serviços do sistema Pix vão ser incluídos, mas os outros meios não.

0

Infelizmente o funcionamento total do Open Banking foi adiado. O cronograma sofreu atraso pelo Banco Central (BC) e pelo Conselho Monetário Nacional (CMN). O novo sistema de compartilhamento de dados deve aumentar, ainda mais, a concorrência entre as instituições financeiras. 

Funcionamento total do Open Banking é adiado pelo Banco Central

Inicialmente, o funcionamento total do Open Banking devia receber a integração com os meios de pagamento em 30 de agosto de 2021. Entretanto, a implantação do sistema deve ocorrer em 30 de setembro de 2022. 

De acordo com Diogo Silva, o chefe de Subunidade do Departamento de Regulação do BC, o adiamento tem relação com o teste do sistema de compartilhamento de dados. Ele cita que “Temos várias entregas simultâneas e as instituições precisam testar as implementações e buscar certificações. Elas querem conferir antes de estar disponível para os consumidores”.

Seja membro

Desde o dia 1º de fevereiro, iniciou o funcionamento da 1ª fase do open banking. Nela, permite-se que os bancos compartilhem as informações sobre os produtos, serviços, canais de atendimento e localização de agências. Já a 2ª etapa, engloba a troca de informações cadastrais e de transações financeiras. O funcionamento da mesma deve iniciar em 15 de julho. 

A partir dessa etapa, os clientes podem conceder o compartilhamento, bem como fazer a portabilidade de dados para outros bancos e fintechs. Entretanto, o funcionamento dessa 3ª etapa sofreu atraso. A partir do dia 30 de agosto, os serviços do sistema Pix vão ser incluídos, mas os outros meios não. Ou seja, débito em conta, boletos, e transferências do tipo TED e DOC. 

Novo cronograma

Estima-se que em 15 de fevereiro de 2022, as transferências para as contas do mesmo banco e TED devem começar a funcionar no open banking. Já em 30 de junho de 2022, é a vez dos boletos bancários. Por fim, em 30 de setembro de 2022, entra o débito em conta. 

Além disso, em 15 de dezembro de 2021, deve haver a integração de outros produtos financeiros de forma gradual. Tais como as operações de câmbio, de seguro, de investimentos e de previdência privada. Por fim, o compartilhamento de dados de produtos financeiros dos clientes deve acontecer em 31 de maio de 2022.

Enfim, gostou da matéria?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

imagem: Michael Zech Fotografie / shutterstock.com

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.