Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Governo quer atrair mais turistas estrangeiros com projeto para novas linhas de voo; saiba mais

O Governo brasileiro lista projeto para abrir novas linhas de voo para o Brasil, visando atrair mais turistas estrangeiros. Saiba mais!

O governo brasileiro está buscando atrair mais turistas estrangeiros para o país e elaborou um projeto para abrir novas linhas de voo para o Brasil. Esta iniciativa visa impulsionar o setor de turismo, gerar empregos e fortalecer a economia nacional.

Dessa forma, saiba mais detalhes dos planos do governo e quais destinos podem se beneficiar com essas novas conexões aéreas. Continue a leitura para mais informações!

Governo visa ampliar voos internacionais para atrair turistas

Um passaporte brasileiro e uma miniatura de avião sobre um mapa
Imagem: Alii Sher / shutterstock.com

O cenário do turismo brasileiro vive um momento promissor com a recente expansão de voos internacionais. Assim, a inclusão de 70.222 assentos por meio de novas rotas e uma maior frequência em voos preexistentes marca um ponto de virada para o turismo internacional do país.

Este aumento significativo é fruto do Programa-piloto de Aceleração do Turismo Internacional (Pati). A iniciativa envolve parcerias estratégicas com companhias aéreas conhecidas como Azul, Latam, e a gestão do aeroporto de Guarulhos em colaboração com a Iberia.

Na última terça-feira (11), um evento que contou com a presença do ministro de Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho, da ministra interina do Turismo, Ana Clara Machado, e do presidente da Embratur, Marcelo Freixo. Lá, foram apresentados os dados pela Embratur.

Quais são as novas rotas implementadas?

Ademais, entre os destaques, a Latam agora conecta Lima, no Peru, ao aeroporto de Curitiba, e a Azul estabelece uma ligação entre Assunção, no Paraguai, e o aeroporto de Viracopos, em São Paulo.

Já a companhia Iberia dobrou a frequência de voos entre Madrid e o Aeroporto de Guarulhos, passando de 7 para 14 voos semanais. Trata-se de uma medida que promete ampliar consideravelmente o fluxo de turistas e negócios entre Brasil e Espanha.

O Pati, desde sua concepção, tem como objetivo tornar o Brasil mais acessível aos viajantes internacionais e fortalecer o turismo como um pilar económico vital. Sendo assim, com um investimento inicial de R$ 1,6 milhão do Fundo Nacional de Aviação Civil (FNAC) e significativas contribuições das empresas participantes, que totalizam R$ 4,8 milhões, o programa já mostra bons resultados.

Impacto econômico do crescimento do turismo

Segundo informações divulgadas na convenção, os primeiros quatro meses de 2024 já demonstraram um crescimento de 24% na receita gerada pelo turismo internacional comparado ao mesmo período do ano anterior.

Veja também:

Distribuição dos lucros do FGTS; quando os trabalhadores vão receber?

Por fim, Marcelo Freixo, presidente da Embratur, manifestou entusiasmo sobre os resultados, ressaltando que este crescimento é um recorde absoluto comparado a qualquer período anterior.

Imagem: Alii Sher / shutterstock.com