Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Inscrição do Enem para o Rio Grande do Sul terá calendário diferenciado

A inscrição para o Enem terá calendário diferenciado no Rio Grande do Sul. Saiba mais informações sobre esta decisão do governo!

A inscrição para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) terá um calendário diferenciado para os estudantes do Rio Grande do Sul. O anúncio desta medida ocorreu na última segunda-feira (20) pelo Ministro da Educação, Camilo Santana.

Dessa forma, em todo o Brasil, as inscrições irão começar no dia 27 de maio e finalizar em 7 de junho. Logo, as inscrições no estado do sul seguirão um cronograma especial que terá sua divulgação em breve. Continue a leitura para mais informações!

Ministérios discutem situação do RS; Enem terá calendário especial no estado

Pessoa segurando celular exibindo página do Enem, o Exame Nacional do Ensino Médio.
Imagem: rafapress / Shutterstock.com

Uma reunião na Sala de Situação, no Palácio do Planalto, contou com a presença de autoridades como o Ministro-chefe da Casa Civil, Rui Costa, e o Ministro da Secretaria Extraordinária para Apoio à Reconstrução do RS, Paulo Pimenta. Assim, houve o acerto de estratégias para maximizar o suporte ao estado devastado pelo recente desastre natural.

Entre elas, a decisão por um calendário especial para o Enem no RS. Ainda, de acordo com os novos dados, a infraestrutura educacional no RS sofreu consideravelmente. Camilo Santana revelou que mais de 4 mil escolas foram afetadas, com determinado número delas totalmente destruídas.

Assim, essa catástrofe não só interrompe o percurso educacional de mais de um milhão de estudantes, mas também exige uma resposta adequada e medidas emergenciais de reconstrução e suporte.

Quais são as demais medidas?

Além de um calendário especial para o Enem, o Conselho Nacional de Educação (CNE) aprovou a flexibilização do calendário escolar para as escolas do estado, dispensando-as do cumprimento do mínimo de dias letivos exigidos.

Veja também:

Apple aposta em design premium para salvar vendas: iPhone mais fino chega em 2025

Além disso, o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) já começou a liberar recursos extraordinários destinados a apoiar a reconstrução das escolas e garantir a alimentação de famílias afetadas. Ainda, haverá a antecipação de bolsas Capes para auxílio imediato aos estudantes:

  • A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) também desempenha um papel vital. Logo, decidiu-se pela antecipação o pagamento das bolsas para programas de pós-graduação e de formação de professores em resposta direta às necessidades emergenciais da região;
  • Com estas ações, mais de 10 mil beneficiários receberão seus auxílios financeiros mais cedo, uma estratégia que visa proporcionar alívio imediato aos afetados pelas enchentes.

Imagem: rafapress / Shutterstock.com