Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

É o momento de investir nas ações do Banco do Brasil (BBAS3)?

0

O Banco do Brasil (BB) nasceu em 1808, com a chegada de Dom João VI ao Rio de Janeiro. Em suma, a história do banco está ligada ao desenvolvimento do mercado nacional de capitais, sendo responsável pelo financiamento da 1ª bolsa de valores do Brasil. Por quase um século, o banco foi o único emissor de papel-moeda do país. Ademais, a instituição também ajudou o país em diversos ciclos econômicos relacionados a commodities agrícolas, como a cana de açúcar, e o café.

Em 1906, as ações da empresas passaram a ser negociadas na bolsa. Desde então, os ativos seguem entre os com maior liquidez do pregão. Atualmente, o BBAS3 responde por 1,87% da carteira teórica do Ibovespa. Além disso, tem um volume de negociação diária de R$ 500 milhões. Entretanto, por vezes ultrapassa os R$ 700 milhões em dias mais agitados. Diante de toda a instabilidade em que se encontra o mercado financeiro, será que vale a pena investir nas ações do Banco do Brasil? Descubra a seguir.

BB lança Game Box, uma carreta super equipada para experiência eSports

É o momento de investir nas ações do Banco do Brasil (BBAS3)?

O Banco do Brasil é uma empresa pública de economia mista. Ou seja, apesar de parte de suas ações serem negociadas na bolsa de valores, o maior acionista da companhia é o governo federal. Ele detêm em torno de 50% dos papéis da instituição. Sendo assim, a atuação do banco se pauta por uma estratégia comercial, mas pode ser usada como instrumento de políticas públicas.

Com isso, as ações do Banco do Brasil sofrem com o impacto de acontecimentos do mercado financeiro e da economia, assim como as demais instituições bancárias. Ademais, as decisões governamentais também influencia. Isso acontece em especial, quando se trata da influência sobre a gestão da companhia, como a indicação de membros da sua diretoria.

Em suma, as ações do Banco do Brasil estão com um desconto considerável, devido a diversos fatos ocorridos nos últimos 2 anos. E isso, pode significar um momento propicio para a compra de ações a longo prazo. Apesar da baixa causada pela pandemia, pela instabilidade política e dificuldades da economia do Brasil, os números contábeis do BBAS3 dão um indicativo de que a companhia tem tudo para se valorizar.

Ademais, o lucro do 2º trimestre de 2021 do Banco do Brasil, de R$ 5 bilhões, superou as estimativas do mercado, que estava em torno de R$ 4,4 bilhões. Atualmente, a cotação das ações tem ficado abaixo dos R$ 30. Enquanto isso, o seu preço-alvo é de R$ 50.

Mas atenção, os investidores precisam ficar atentos ao risco de queda nas receitas de empréstimos do Banco do Brasil, por conta da alta da Selic. Além disso, o crescimento do risco político diante da proximidade das eleições presidenciais, também interfere, momentaneamente, de forma negativa sobre as ações.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o FacebookTwitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: Seu Crédito Digital

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.