Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Lula fala sobre desvinculação do BPC do salário mínimo; confira

Lula afirmou que o BPC é uma necessidade básica para a sobrevivência de muitos brasileiros. Veja mais detalhes!

Recentemente, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) destacou a importância de manter a vinculação entre o Benefício de Prestação Continuada (BPC), as pensões e a política de valorização do salário mínimo. Em uma entrevista ao portal UOL, o mandatário enfatizou que esses não são vistos como simples gastos, mas como uma necessidade básica para a sobrevivência de muitos.

“O salário mínimo é o mínimo que a pessoa precisa para sobreviver,” afirmou Lula, rejeitando a ideia de que cortar esses benefícios poderia ser uma solução para os problemas econômicos do país. Ele acrescentou que tal medida seria uma desgraça, implicando consequências negativas para sua moral e governança.

BPC e pensões

Em síntese, o BPC contempla idosos a partir de 65 anos e pessoas com deficiência de baixa renda, garantindo um salário mínimo mensal (R$ 1.412 em 2024) a quem não possui meios para prover a própria manutenção ou de tê-la provida por sua família. 

Já as pensões, por outro lado, são pagamentos regulares que contemplam dependentes de trabalhadores que contribuíram com o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e que faleceram ou sofreram acidente de trabalho.

Mão segurando notas de 20, 50, 100 e 200 reais, referetes ao BPC e ao auxílio-inclusão
Imagem: Leonidas Santana/shutterstock.com

Pressão no orçamento

De acordo com reportagens recentes, a gestão de Lula enfrenta pressões crescentes sobre o orçamento, com a necessidade iminente de reduzir as despesas previdenciárias e assistenciais. 

Dessa forma, sem uma revisão adequada, estima-se que os gastos com o BPC aumentem significativamente, passando de R$ 99,2 bilhões em 2023 para R$ 154 bilhões em 2028. Atualmente, cerca de 6 milhões de pessoas fazem parte do programa social.

Veja também:

Clientes em massa do Nubank querem cancelar conta, entenda!

No entanto, apesar das dificuldades orçamentárias, Lula expressou uma forte posição contra o corte de benefícios essenciais como o BPC. Dessa forma, o petista destacou que ainda está em análise a necessidade de revisões nos gastos, mas enfatizou que qualquer decisão irá considerar o bem-estar da população.

Imagem: Vergani Fotografia / shutterstock.com