Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Novo bilhete digital do transporte público no Rio pode ser pago via Pix

A meta da prefeitura é utilizar o novo bilhete digital do transporte e deixar de usar totalmente o dinheiro físico até 2023. 

0

Na última quarta-feira (23), a Secretaria de Transportes da prefeitura do Rio de Janeiro anunciou uma novidade aos usuários do transporte público na capital fluminense. Agora, os passageiros podem pagar o novo bilhete digital através do QR Code, cartão bancário, celular, e Pix. De acordo com a prefeitura, a projeção é deixar de usar totalmente o dinheiro físico até 2023. 

Novo bilhete digital do transporte público no Rio pode ser pago via Pix

O novo projeto para o transporte coletivo urbano do Rio, se chama Sistema de Bilhetagem Digital (SBD). A meta da cidade é garantir uma maior transparência financeira no sistema de passagens. Além disso, busca aplicar melhorias para as linhas de ônibus, por meio de dados “confiáveis”. 

Em suma, no dia 6 de julho, além do transporte público de 4 rodas, os metrôs e trens começaram a aceitar o pagamento por aproximação de celular. A publicação do edital do novo bilhete digital deve ocorrer no dia 30 de agosto.

Seja membro

Além disso, a empresa vencedora vai ter um contrato de 10 anos de vigência, para atuar como uma concessionária do SBD. O novo bilhete digital deve iniciar no 1º trimestre de 2022. Os cariocas vão ter 3 meses para trocar de cartão. 

Mesmo com o novo sistema, o passageiro pode viajar de ônibus duas vezes no intervalo de 2h30, e pagar apenas a passagem da 1ª viagem. A empresa vai tornar o novo bilhete digital 100% operacional em até 3 meses, depois da assinatura do contrato. 

A prefeitura afirma que o usuário poderá usar o novo bilhete digital para pagar outros transportes. Ou seja, além do ônibus, vai ser possível usar no Rio Táxi e no Bike Rio. Vai haver ainda, a opção de fazer recargas e recuperar créditos no cartão.

Prefeitura do Rio vai cobrar tarifa sobre bilhete

A taxa de pagamento da empresa ao município pelo uso do novo bilhete digital vai ser de 3%. A prefeitura também vai gerar receitas através de publicidade digital. Ou seja, vai ter uma propaganda em cima, e uma embaixo do app de transportes, para quem pagar com o QR Code. Dessa forma, em apenas 5 anos do contrato, a administração deve faturar R$ 55 milhões em anúncios no app. 

De acordo com Maína Celidólio, secretária de Transportes do Rio de Janeiro, “A Prefeitura vai usar a tecnologia a favor da eficiência e do interesse do cidadão. Esse é um passo fundamental para as mudanças necessárias no transporte público no Rio de Janeiro, que vai garantir o fim da caixa preta e um serviço de melhor qualidade para a população”.

Enfim, gostou da matéria?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: rafapress / shutterstock.com

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.