Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Novo pente-fino do INSS já vai começar? Saiba mais!

O INSS está se preparando para iniciar um novo pente-fino em benefícios por incapacidade. Saiba o que isso significa e como pode afetar os segurados.

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) lançou recentemente um conjunto de medidas destinadas a economizar cerca de R$ 10 bilhões neste ano. Uma das principais iniciativas inclui a revisão minuciosa de benefícios como o auxílio-doença, o Benefício de Prestação Continuada (BPC) e o seguro-defeso.

Assim, essas medidas têm como objetivo combater fraudes e garantir que os benefícios sejam concedidos apenas aos verdadeiros beneficiários elegíveis. Entenda a seguir!

Como o INSS planeja implementar as revisões?

Celular com logo do INSS
Imagem: rafastockbr / shutterstock.com

A revisão programada pelo INSS, prevista para começar em julho, tem como objetivo convocar segurados que recebem o auxílio-doença há mais de um ano para uma nova perícia médica. Essa ação visa detectar possíveis fraudes e concessões que não atendem aos critérios legais, garantindo a correta aplicação dos recursos do INSS e a proteção do sistema previdenciário.

Para assegurar a veracidade das informações durante o processo de revisão, o governo planeja utilizar bancos de dados estaduais e municipais. Essa medida visa garantir a transparência e a eficiência do processo, que tem como meta concluir todas as avaliações até o final do ano corrente.

Quem tem direito ao auxílio-doença?

O auxílio-doença, agora referenciado também como benefício por incapacidade temporária, é destinado aos segurados que se encontram incapacitados para realizar suas atividades habituais.

Para ter direito a esse benefício, os candidatos devem cumprir com os requisitos previstos na Lei nº 8.213/1991, que incluem a comprovação da incapacidade através de uma perícia médica oficial, ser um segurado ativo e cumprir uma carência de 12 contribuições mensais.

Como solicitar?

A saber, existem duas maneiras principais para solicitar o auxílio-doença: uma é presencialmente, nas Agências da Previdência Social, e a outra é por meio do site ou do aplicativo do Meu INSS.

Veja também:

Saque-aniversário do FGTS está próximo de ser encerrado; entenda a situação

Em ambos os casos, é necessário agendar a perícia médica e estar munido de toda a documentação necessária. Em caso de dúvidas, entrar em contato com a central de atendimento pelo telefone 135.

Imagem: Ground Picture / shutterstock.com