O que significa CVV no cartão de crédito? Pra que serve?

0

Quem costuma fazer compras online provavelmente já está familiarizado com o conjunto de três dígitos que ficam atrás do seu cartão de crédito, e sempre são solicitados nas compras pela internet. No seu cartão de crédito, você vai encontrar o número do próprio cartão, a data de validade e o CVV. Geralmente, todos esses dados (e outros, como nome e CPF) são exigidos na hora de efetuar um pagamento online, mas você sabe o que significa CVV no cartão de crédito?

Leia também:

Banco Inter lança novo Token Digital

Sistema de Luciano Hang impede ataque hacker ao App dos cartões Havan

5 Dicas para comprar online no cartão de crédito de forma segura

O que significa CVV no cartão de crédito?

Afinal, o que significa CVV no cartão de crédito? Também conhecido como código de segurança do cartão, o CVV existe para reforçar a segurança das operações feitas com o seu cartão, e evitar fraudes. A sigla CVV vem do inglês Card Verification Value e significa, em tradução direta, Valor de Verificação do Cartão. Esse conjunto de números na verdade é uma das medidas antifraude mais importantes para um cartão de crédito (ou débito), especialmente com o grande número de transações virtuais, algo que aumenta ainda mais a cada dia. Quando você faz uma compra online, saiba que ao fornecer o número do CVV do seu cartão, você está provando que tem o cartão em mãos, ou seja, está legitimando sua compra.

Um dos grandes motivos de existir o CVV é devido às compras não-presenciais, como em sites ou aplicativos. Isso porque, quando você usa seu cartão pessoalmente, você usa uma senha do cartão, o que garante que você é o titular do cartão, ou no caso de emprestar seu cartão, o conhecimento da senha comprova que esta pessoa está autorizada a utilizá-lo. Mas para compras online não é possível utilizar sua senha, e é aí que o nosso amigo CVV entra em campo. Em resumo, o CVV serve como um substituto da sua senha do cartão.

Onde encontrar o CVV do seu cartão

Os cartões de crédito e débito (muitas vezes) vem com o número do código de segurança impresso na parte de trás do próprio cartão. A maioria dos cartões tradicionais exibem na frente o número do cartão, a data de validade e o nome do titular, além da bandeira (Visa, Mastercard, etc). Alguns modelos mais novos, como o próprio Nubank, já trazem todos esses dados (exceto bandeira) impressos na parte de trás, o que visa facilitar a usabilidade na hora de inserir os dados para uma compra (ou seja, você não precisa virar o cartão).

Alguns cartões que exibem o número do cartão na frente, quando também são usados para conta-corrente, podem exibir ao lado esquerdo do CVV os dados da conta, como agência e número da conta. Outros colocam essas informações também na parte frontal, e deixam a parte de trás reservada ao CVV. Independente do caso, é quase certo que o número do estará na parte traseira do seu cartão, e é fácil identificá-lo: Basta procurar pelos três dígitos que ficam à direita da faixa de assinatura.

cvv cartao de credito

As exceções para o uso do código de segurança na parte frontal são os cartões American Express, que trazem o CVV no lado direito da parte frontal. O American Express chama esse número de número de identificação do cartão (CID), e ele tem quatro dígitos em vez de três.

American Express CID

O CVV é igual à senha?

Não, o CVV é diferente da senha que você utiliza para fazer saques ou comprar em lojas físicas. Por outro lado, o código de segurança é utilizado para verificar pagamentos online quando você não pode usar sua senha ou assinatura. Embora o CVV esteja disponível para proteger seu cartão de crédito contra transações fraudulentas ou golpes de phishing ao usar seu cartão de crédito ou débito para compras virtuais, é importante saber que ainda há chances de você ser vítima de um golpe no cartão de crédito. É por isso que é importante usar o cartão de crédito apenas em sites seguros, e acompanhar o extrato do cartão de crédito para detectar transações suspeitas. Se você encontrar uma transação suspeita no seu extrato, entre em contato imediatamente com a administradora do cartão para relatar o problema e proteger suas segurança.

Como o código de segurança do cartão protege você?

Uma das maiores funções do CVV, como já dissemos anteriormente, é garantir a segurança das compras online, atuando como uma linha de defesa antifraude. No caso de uma pessoa tentar usar o número do seu cartão de crédito para comprar coisas sem o seu consentimento, e ainda que ela tenha a data de validade e seu nome completo, sem este código de segurança ela não será capaz de concluir a transação.

Como os comerciantes usam e armazenam números código de segurança?

Embora o CVV tenha sido criado para limitar fraudes online, infelizmente, nem todos os comerciantes usam. Embora a maioria dos comerciantes exige que você insira o CVV junto com o número do cartão e a data de validade, alguns podem dispensar o CVV para criar uma experiência de compra mais rápida.

Se você for comprar algo pela internet e perceber que a compra dispensa a inserção do código de segurança, saiba que você pode estar arriscando sua própria segurança comprando aí, pois esse comerciante pode armazenar as informações do cartão de crédito.

O CVV estabelece regras padrão para armazenamento de informações de cartão de crédito. Teoricamente, os comerciantes não podem armazenar seu CVV depois que você faz a compra. No entanto, nada impede que os comerciantes armazenem o restante das informações do seu cartão, como o número.

A maioria dos comércios online solicita seu CVV quando você faz compras, mas eles não são obrigados a isso. E mesmo ao usar seu código CVV, você ainda poderá correr alguns riscos de segurança ao usar o seu cartão online. À medida que os golpes de phishing e malware ficam mais sofisticados, e à medida que o crime de dados do mercado negro aumenta, seu CVV e outros dados pessoais ainda podem ser comprometidos.

Limitações do CVV

É muito difícil que fraudadores consigam ter acesso ao seu CVV por meio de um banco de dados de cartão de crédito. Mas existem outros meios ilegais, como phishing e roubo físico do cartão. No caso de phishing, pode acontecer de você acessar um e-mail ou pop-up no seu computador e fazer uma compra online em um site inseguro.

Alguns sites golpistas vão lhe parecer estranhos, como erros de ortografia ou outros erros óbvios. Mas ainda assim, pode acontecer de uma página fraudulenta se parecer muito com uma página verdadeira. E os hackers também podem incluir a solicitação do CVV na página fraudulenta.

Outro problema que pode ocorrer é se você tiver o seu cartão de crédito roubado fisicamente, como no caso de um assalto. Nesse caso, como todas as suas informações estão no cartão, é bastante fácil do ladrão fazer compras com seu cartão. Muitos comércios eletrônicos atualmente tem solicitado também o seu CPF na hora de fazer a compra, o que garante uma camada extra de segurança. Porém, no caso de um roubo, se o ladrão também tem acesso à algum documento que contém seu CPF, ele poderá comprar com seu cartão. Neste caso, a sua melhor alternativa é ligar imediatamente para a administradora do cartão e cancelar o mesmo, o mais rápido possível. Solicite um novo cartão com seu emissor, e conteste quaisquer cobranças não autorizadas.

Como você pode proteger o código de segurança do seu cartão?

Ao fazer compras online, verifique o URL e verifique se há um pequeno ícone de cadeado seguido de “https” na frente. Embora isso não garanta 100% de segurança, pelo menos você está conectado através de uma conexão http segura, e o site está enviando informações criptografadas. Porém, tome cuidado, pois atualmente os cibercriminosos estão usando páginas criptografadas para iludir o usuário.

Dentre outras medidas estão confirmar se você está em um site de uma loja conhecida. Caso tenha dúvidas, pesquise o nome da loja no Google, e provavelmente o site oficial estará entre os primeiros resultados. Outra maneira de garantir uma compra segura é usando o aplicativo oficial da loja. Para isso, entre na loja oficial de aplicativos do seu celular (Google Play Store ou App Store) e pesquise o nome da loja.

Mantenha sempre o CVV do seu cartão seguro e protegido. Não informe seus dígitos a ninguém, a não ser que seja absolutamente necessário e quando você tiver certeza de que é seguro. Você também deve verificar com frequência seus extratos do cartão de crédito, a fim de identificar compras suspeitas.

Embora comprar fisicamente também não isenta você completamente de ser vítima de golpes, as transações online colocam você e suas informações em maior risco de fraude. Para combater isso, os fornecedores de cartão de crédito criaram o CVV. Esse código de segurança ajudar a manter suas informações pessoais de crédito seguras.

E então, gostou de saber o que significa CVV no cartão de crédito?

Em conclusão, espero que você tenha gostado. Nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.

Comentários
Carregando...

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais