O Trigg vale a pena? Tem cashback, mas a anuidade é R$ 9,90 por mês

0

Se você está pensando em se tornar um cliente Trigg, há alguns fatores que precisam ser considerados. Primeiramente, é importante salientar que o cartão de crédito cobra uma anuidade de R$ 9,90 ao mês. Entretanto, são oferecidos benefícios, como o cashback, que pode devolver valores que compensam essa anuidade, e até mesmo os superando. Afinal, o Trigg vale a pena? E em quais casos ele não compensa?

É provável que você também goste:

Rotativo do cartão de crédito ou cheque especial: qual tem juros menores?

Como pagar boleto no cartão de crédito Nubank e quais contas permitidas

Fintech Avancard libera saque grátis no Banco24Horas. Nubank e PagBank cobram pelo saque

Antes de mais nada, para saber se o Trigg vale a pena para você, é importante dar uma olhada no quanto você pode receber de volta através do cashback. O cashback em si é bastante vantajoso, pois ao contrário de outros cartões, o Trigg devolve os valores com base em todas as suas compras no cartão, não limitando a este ou aquele produto ou serviço.

Cashback do Trigg

Cashback é a devolução de parte dos seus gastos no cartão, como uma forma de bonificação ao cliente. Esse valor devolvido é usado para abater sua própria fatura. Ou seja, se você gastou R$ 1000 no cartão de crédito, pode ter um desconto de certa porcentagem, e no final das contas, não pagará os R$ 1000, mas menos do que isso.

Primeiramente, saiba que o valor do cashback (devolução) no Trigg é relativo. Quanto mais você gasta, mais recebe de volta. Claro que isso vai depender também do seu limite de crédito. Entretanto, o Trigg tem o costume de oferecer um bom limite. Além disso, costuma aumentar seu limite conforme você vai se mostrando um bom pagador.

Quanto é o cashback do Trigg?

  • Gastos até R$ 999 recebem um cashback 0,55% (até R$ 5,50 por mês).
  • Despesas entre R$ 1.000 e R$ 1.999 recebem 0,70% (até R$ 13,99 por mês)
  • Quem gasta de R$ 2.000 a R$ 2.999 recebe cashback de 0,90% (até R$ 26.99 por mês)
  • Gastos de R$ 3.000 a R$ 4.999 rendem cashback de 1% (até R$ 49,99 por mês)
  • Por fim, se você gasta mais de R$ 5.000, recebe de volta 1,3% da fatura (R$ 65 por mês ou mais)

Levando em conta esses números e o valor da anuidade, podemos concluir que o Trigg vale a pena para quem gasta pelo menos R$ 1.415 ao mês, isso porque com esse valor, você receberá um cashback que pagará a anuidade de R$ 9,90. Se gastar mais do que isso, você começa a lucrar com o cartão de crédito.

Outras vantagens do Trigg

Mas, para além de compensar o valor da anuidade, o Trigg é um cartão de crédito totalmente digital, ou seja, você faz tudo o que precisa pelo aplicativo no smartphone, desde o controle de gastos até a visualização do limite e o pagamento da fatura.

Mas para mim, uma das maiores vantagens do Trigg é que ele é um cartão de crédito que aprova pessoas com score baixo e até mesmo negativados, dependendo do caso. É uma ótima opção para quem foi reprovado no Nubank, Digio, Banco Inter ou outros.

O Trigg também dispõe de uma parceria com a DC Comics, empresa dona dos direitos autorais de alguns super-heróis. O cartão de crédito pode vir estampado com o Batman, Super-Homem, Coringa, Arlequina ou Mulher Maravilha.

O Trigg é um cartão voltado para o público geek, e não apenas pela aparência dos seus cartões de super-heróis. Com ele, você ganha 20% de desconto na loja física da Chiaroscuro Studios, Harry Potter Store, Mundo Geek, Omelete Store e na assinatura mensal da Omelete Box Premium.

trigg
Imagem: Site oficial do Trigg.

E para você, o Trigg vale a pena ou não?

Então, siga o nosso canal do YouTube, e nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, empréstimos e matérias relacionadas ao assunto de fintechs.

Imagem:

Imagem destaque: Site oficial do Trigg.

Comentários
Carregando...

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais