O Portal do Bitcoin publicou uma matéria que mostra o quanto o número de reclamações do PicPay aumentou nos últimos meses. Somente neste período, a soma total das críticas dos clientes chegou ao impressionante número de 79.502. Ou seja, aproximadamente uma reclamação a cada três minutos.

É provável que você também goste:

Aplicativo do Banco Original é campeão pelo segundo ano consecutivo

Nubank e PayPal fazem parceria para uso do débito online

Como fazer o cadastro do PIX antes de todo mundo pelo app do Nubank.

PicPay apresenta uma reclamação a cada três minutos no site Reclame Aqui

Os números de reclamações correspondem a seis vezes o total de reclamações que a fintech teve no ano de 2019 inteiro. Com isso, a nota do PicPay na plataforma Reclame Aqui desabou de 8.5 (bom) para 6.4 (regular) em apenas dois anos. Ao todo, o PicPay tem neste momento, 31.642 reclamações sem resposta.

Muito provavelmente, isso tenha ocorrido em virtude da alta demanda com o crescimento exponencial da sua base de clientes, que saltou de 12 para 30 milhões em apenas alguns meses. O PicPay passou a receber um grande volume de transferências do auxílio emergencial e também fechou um acordo com o governo de São Paulo para distribuir o auxílio-merenda e com a prefeitura de Duque de Caxias, no Rio de Janeiro.

Reclamações do PicPay

De acordo com os registros no Reclame Aqui, os clientes reclamam da falta de suporte adequado no site do PicPay, no ‘0800’ e nas redes sociais, como Facebook e Twitter. Muitos deles são referentes a demora no processamento de pagamentos. Entretanto, também há relatos quanto a demora no atendimento por telefone, desaparecimento do dinheiro.

Posicionamento oficial do PicPay

O PicPay se posicionou a respeito da matéria, e enviou uma nota ao Portal do Bitcoin. Confira na íntegra, logo a seguir.

O número de usuários do PicPay cresceu nos últimos seis meses o equivalente aos últimos 8 anos. O App se tornou uma ferramenta fundamental na vida das pessoas na medida em que ele dispensa contato físico, filas, transação com dinheiro em papel, e foi a maior ferramenta de distribuição de auxílio emergencial no Brasil.

Esse crescimento exponencial causou de fato algumas instabilidades, mas todas foram sanadas. Das empresas que mais resolveram as reclamações, o PicPay figura entre as 10 primeiras, de acordo com levantamento do próprio Reclame Aqui. Adicionalmente ampliamos o time de atendimento, pois o nosso foco é oferecer uma experiência cada vez melhor para os nossos usuários com o propósito de facilitar suas vidas financeiras.

Enfim, gostou da matéria?

Então, nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter e Instagram. Assim você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos etc.

Fonte: Portal do Bitcoin

Imagem: Julio Ricco / Shutterstock

Sobre o Autor

Eduardo Mendes

Cofundador

Sou um entusiasta da tecnologia, que também aprecia inovação, empreendedorismo, além de Fintechs e as suas facilidades. Graduado em Administração de Empresas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. CoFundador do site Seu Crédito Digital.

Ver todos os artigos