Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Preço do etanol aumenta em 15 estados, mas ainda é mais vantajoso que a gasolina em 8 estados e no DF

Preço do etanol sobe em 15 estados, cai em 6 e no DF, e fica estável em 5. Saiba mais informações sobre as mudanças!

Na última semana, uma análise detalhada revelou mudanças nos preços do etanol hidratado em diversas regiões do Brasil. Segundo informações da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), houve um incremento nos preços em 15 estados, enquanto 6 estados e o Distrito Federal apresentaram uma redução.

No período de 16 a 22 de junho, observou-se que o preço médio do etanol aumentou de R$ 3,81 para R$ 3,83 por litro. Essa variação representa uma alta modesta de 0,52%, mas evidencia tendências importantes no comportamento do mercado de biocombustíveis no país. Continue a leitura para mais informações!

Quais estados tiveram aumento no preço do etanol?

Carro recebendo combustível (etanol ou gasolina) no tanque
Imagem: Studio4dich / shutterstock.com

Entre os estados que viram seus preços subirem, o destaque vai para o Amapá, que registrou o maior aumento percentual, saltando 8,77% de uma semana para a outra.

Por outro lado, São Paulo, que é o maior produtor e consumidor de etanol, manteve seus preços estáveis em R$ 3,64 o litro.

Competitividade frente à gasolina

Apesar da flutuação de preços, o etanol prove ser uma opção mais econômica em comparação com a gasolina em 8 estados e no Distrito Federal. Este fenômeno é especialmente relevante diante do cenário econômico atual, no qual consumidores procuram alternativas para reduzir gastos.

A paridade de preço entre etanol e gasolina é um indicador crucial, com etanol mostrando vantagem competitiva quando custa até 70% do preço da gasolina. Assim, veja a lista de estados onde o etanol é mais vantajoso:

  • Acre (69,41%);
  • Amazonas (68,09%);
  • Goiás (66,21%);
  • Mato Grosso (60,68%);
  • Mato Grosso do Sul (64,13%);
  • Minas Gerais (68,14%);
  • Paraná (65,56%);
  • São Paulo (64,54%);
  • Distrito Federal (65,48%).

Com uma média nacional de paridade de 65,36%, o etanol continua a ser uma opção rentável em várias partes do país, apesar da volatilidade apresentada. Assim, esse comportamento de preço demonstra como as variações regionais podem influenciar diretamente as escolhas dos consumidores brasileiros.

Veja também:

Oferta dupla do cartão Santander Unlimited: entenda como funciona

Por fim, observou-se que o Rio Grande do Sul registrou o maior preço absoluto, chegando a R$ 5,93 por litro, ao passo que o Mato Grosso ofereceu o menor custo médio, com R$ 3,55 o litro.

Imagem: Studio4dich / shutterstock.com