Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Saiba quais países cobram ou não o visto de brasileiros

Conheça a lista de países que cobram ou não visto para cidadãos brasileiros, auxiliando em sua próxima viagem ao exterior.

Planejar uma viagem internacional é empolgante, mas também requer atenção aos detalhes, como a necessidade de visto. Para os brasileiros, as exigências variam de acordo com o destino escolhido.

Neste texto, vamos abordar quais países exigem visto, quais dispensam essa exigência e outras modalidades de autorizações de viagem.

Com essas informações, você poderá planejar sua viagem com mais segurança e tranquilidade, evitando contratempos na hora de embarcar. Vamos explorar juntos as diversas possibilidades que existem para viajar para o exterior, aproveitando ao máximo sua experiência internacional.

Quais países não exigem visto para brasileiros?

homem carimbando passaporte com visto para viagem internacional
Imagem: ArtWell / shutterstock – Edição: Seu Crédito Digital

Muitos países oferecem a facilidade de entrada sem a necessidade de um visto prévio para brasileiros, facilitando o turismo e as viagens de negócios. Destacam-se na lista países de diversas partes do mundo, incluindo destinos populares na Europa, África, e Américas.

  • Europa: Alemanha, França, Itália, Portugal, entre outros;
  • África: África do Sul, Marrocos, Tunísia;
  • América do Sul: Argentina, Chile, Colômbia.

Como funciona o visto na chegada?

Algumas nações permitem que o visto seja obtido diretamente na chegada ao país, sem a necessidade de longos processos prévios. Este método é comum em diversos países africanos e asiáticos, proporcionando uma certa comodidade, embora exija algum tempo de espera nas filas de imigração.

  1. África: Egito, Tanzânia, Quênia;
  2. Ásia: Jordânia, Laos, Nepal.

Países que requerem autorização eletrônica de viagem

Além dos vistos tradicionais e das permissões na chegada, existe a autorização eletrônica de viagem, uma forma simplificada e ágil de autorização que pode ser processada online antes da viagem.

Destinos como a Austrália e Canadá utilizam esse sistema para facilitar o controle de entrada de turistas e viajantes.

  • Austrália: Autorização Eletrônica (eTA);
  • Canadá: Autorização Eletrônica (eTA);
  • Estados Unidos: Sistema Eletrônico de Autorização de Viagem (ESTA).

Visto ETIAS

O ETIAS (Sistema Europeu de Informação e Autorização de Viagem) será exigido para brasileiros que desejam visitar países do Espaço Schengen na Europa a partir do primeiro semestre de 2025. Esse sistema eletrônico funciona como uma autorização prévia para viagens de curta duração, similar ao ESTA dos Estados Unidos.

  • Países do Espaço Schengen: Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Islândia, Itália, Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Países Baixos, Polônia, Portugal, República Tcheca, Suécia e Suíça;
  • Países em processo de adesão: Bulgária, Chipre e Romênia.

Para obter o ETIAS, será necessário preencher um formulário online com informações pessoais, dados do passaporte e histórico de viagens, além de pagar uma taxa.

Uma vez aprovado, o ETIAS permite múltiplas entradas no Espaço Schengen durante três anos. É importante estar atento às atualizações e requisitos do ETIAS para garantir uma viagem tranquila e sem contratempos.

Quais países exigem visto antecipado?

Alguns países ainda requerem que o visto seja obtido antes da chegada por meio de embaixadas ou consulados. Essa modalidade é comum em países com regulamentações de entrada mais estritas, como os Estados Unidos, China e Rússia.

Veja também:

Evite a suspensão da CNH: conheça as infrações que podem causá-la

Ao identificar que seu destino de viagem exige um visto, o primeiro passo é verificar os requisitos específicos no site da embaixada ou consulado do país em questão. É crucial começar esse processo com bastante antecedência, pois alguns vistos podem levar semanas ou até meses para serem emitidos.

Imagem: ArtWell / shutterstock – Edição: Seu Crédito Digital