BB e Caixa pagam até 4 lotes de R$ 1.045 do PIS/Pasep

0

Até o momento, o governo já efetuou o pagamento de quatro novos lotes do novo calendário do abono salarial do PIS/PASEP para quem trabalhou em 2019 com carteira assinada. Além disso, para aqueles que não sacaram o PIS de 2018, e estavam empregados, também poderão aproveitar um novo lote de saques. Confira, a seguir, quem tem direito ao saque do abono salarial.

Quem tem direito ao saque do abono salarial?

Como já mencionamos, quatro novos lotes de saque do abono salarial do PIS/PASEP estã liberados pelo governo, para aqueles nascidos de julho a outubro. Todas as pessoas liberadas nesses lotes podem fazer o saque até junho de 2021. Assim, os últimos quatro lotes liberados foram dos beneficiários nascidos em:

  • Julho: podem sacar até junho de 2021;
  • Agosto: podem sacar até junho de 2021;
  • Setembro: podem sacar até junho de 2021;
  • Outubro: podem sacar até junho de 2021.

É provável que você também goste:

Como fazer um PIX no Nubank? A nova forma de enviar e receber dinheiro

PIX CHEGOU, e agora? Com Bruno Diniz, autor do Best Seller O Fenômeno Fintech

Cartão de Crédito com Limite Alto: Confira as melhores opções

Qual o valor do abono salarial PIS/PASEP?

Para aqueles que terão direito ao saque do abono salarial, o valor pago pode chegar a até um salário mínimo, hoje no valor de R$ 1.045, e variar de acordo com o tempo de trabalho. Dessa forma, se a pessoa trabalhou o ano todo, tem direito a receber um salário mínimo. Entretanto, se você trabalhou apenas um mês, o valor disponível para o saque do abono salarial é proporcional, ou seja, 1/12 do salário mínimo. 

Quem tem direito ao saque?

Para ter direito ao saque do abono salarial, o trabalhador precisa atender a alguns requisitos, como ter recebido em média até dois salários mínimos mensais no ano válido. Quem recebe mais do que isso, não tem direito. 

Além disso, os critérios para ter direito ao saque do abono salarial são:

  • o trabalhador que exerceu profissão com carteira assinada por pelo menos 30 dias em 2018 e/ou 2019;
  • o trabalhador que ganhou, no máximo, dois salários mínimos, em média, por mês;
  • quem está inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos; e
  • a empresa onde trabalhava tenha informado os dados corretamente no sistema do governo.

Por fim, para saber se tem direito ao saque do abono salarial, faça uma consulta no Aplicativo Caixa Trabalhador ou no site da caixa (www.caixa.gov.br/PIS), clicando em “Consultar pagamento”.

Enfim, gostou da notícia?

Então, nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o FacebookTwitterTwitch e Instagram. Assim você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de créditoempréstimos etc.

Imagem: rafapress/shutterstock.com

Comentários
Carregando...

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar