Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Selic a 10,5%: saiba quanto está rendendo R$ 1 mil por mês na Poupança, CDB e Tesouro Direto

Foi realizada simulação para analisar o rendimento de uma aplicação única de R$ 1 mil em produtos de renda fixa ao longo de um ano. Veja!

O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central comunicou na quarta-feira (08) sua terceira decisão do ano referente à taxa Selic.

O colegiado promoveu um corte de 0,25 ponto percentual, reduzindo a taxa de 10,75% para 10,50% ao ano, o primeiro movimento desse tipo desde o início do afrouxamento monetário.

A robustez da atividade econômica doméstica e as expectativas de inflação em ascensão projetam um corte menor do que o previamente comunicado, uma vez que o assunto já estava em pauta entre os principais agentes do mercado financeiro.

Simulações na Renda Fixa pós-corte da Selic

Moedas empilhadas junto de um gráfico de investimentos.
Imagem: tech_BG / shutterstock.com

Diante deste novo panorama, foi realizada uma simulação para analisar o rendimento de uma aplicação única de R$ 1 mil em produtos de renda fixa ao longo de um ano, considerando as taxas de referência do mercado. Em ordem do menor rendimento para o maior, seguem:

  1. Tesouro IPCA: Para o Tesouro IPCA+, com uma taxa simulada de IPCA + 5,50%, o saldo final líquido seria de aproximadamente R$ 1.072,89;
  2. Poupança: Com um rendimento atual de 6,17% ao ano + Taxa Referencial, os R$ 1 mil investidos na poupança totalizariam aproximadamente R$ 1.075,54 após um ano;
  3. CDB (100% do CDI): Em um CDB com rentabilidade equivalente a 100% do CDI, o saldo final seria de aproximadamente R$ 1.085,80;
  4. Tesouro Selic: Levando em conta a taxa Selic em 10,50% ao ano, o saldo final líquido de uma aplicação no Tesouro Selic seria de aproximadamente R$ 1.086,59;
  5. LCI/LCA: Considerando uma taxa simulada de 85%, o rendimento no LCI e LCA após um ano seria de aproximadamente R$ 88,40, sem desconto do Imposto de Renda, resultando em um saldo bruto de R$ 1.088,40.

Economistas revisam projeções de inflação

Economistas consultados pelo Banco Central revisaram suas projeções de inflação para o ano em curso, após o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) registrar um aumento de 0,38% em abril, indicando uma aceleração em relação ao aumento de 0,16% observado em março.

De acordo com o Relatório Focus, as expectativas de inflação para 2024 foram ajustadas de 3,72% para 3,76%, enquanto para 2025, a projeção do IPCA foi revisada de 3,64% para 3,66%. As estimativas para os anos subsequentes permanecem inalteradas em 3,50%. É importante ressaltar que as metas de inflação estabelecidas pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) para 2024 e 2025 são de 3%.

Veja também:

Governo ANTECIPA Bolsa Família para facilitar pagamentos, confira!

Apesar das projeções de impacto negativo na economia brasileira devido às enchentes no Rio Grande do Sul, o Produto Interno Bruto (PIB) teve sua previsão elevada de 2,05% para 2,09% em 2024. As expectativas para os anos seguintes permanecem estáveis em 2%. Além disso, a projeção para o dólar em relação ao real foi mantida em R$ 5 para este ano.

Imagem: Olivier Le Moal / shutterstock.com