Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Você pode ter um tesouro escondido: Moedas de R$ 1 que valem uma fortuna!

Conheça algumas moedas de R$ 1 que podem valer uma fortuna devido a suas raridades e peculiaridades numismáticas.

Você sabe o quanto uma simples moeda de R$ 1 pode valer? No universo da numismática, cada detalhe pode transformar um pequeno objeto circular em um verdadeiro tesouro.

Portanto, veja algumas das moedas de R$ 1 que são verdadeiros achados para colecionadores e podem alcançar valores exorbitantes.

Por que algumas moedas de R$ 1 valem tanto?

Moeda de R$ 1 real junto com várias outras moedas
Imagem: rafastockbr / shutterstock.com

No Brasil, o colecionismo de moedas pode revelar peças de valores inimagináveis. Além disso, a raridade, o estado de conservação e as peculiaridades da cunhagem contribuem para que algumas destas moedas atinjam preços elevados no mercado de colecionadores.

Em destaque: a moeda de R$ 1 com a letra ‘P’

A moeda de R$ 1 cunhada em 1998 é uma das estrelas deste mercado, que possui a singularidade de ter a letra ‘P’ abaixo da inscrição ‘real’.

Esta peculiaridade identifica a peça como uma prova de cunhagem, o que significa que fazia parte de um lote inicial e não destinado à circulação massiva. Portanto, isso eleva consideravelmente seu valor.

Quanto podem valer estas raridades?

Dependendo do seu estado de conservação, a moeda de R$ 1 com a letra ‘P’ pode ser negociada por valores entre R$ 26.000 e R$ 30.000. Essa faixa de preço reflete a sua raridade e importância histórica como uma peça de teste na cunhagem do real.

Uma raridade acidental pode custar uma fortuna: No ramo numismático, acidentes também são valorizados, como é o caso da moeda da série “bromélias”, cunhada em 1997. Esta moeda, que deveria ficar restrita a testes dentro de instituições bancárias, acabou sendo distribuída ao público por engano.

Como resultado, sua raridade eleva seu valor para mais de R$ 50 mil, tornando-a uma das mais cobiçadas entre colecionadores.

Outras moedas que valem mais do que parecem

Além das já mencionadas, existem outras moedas que possuem grande valor de mercado devido a suas características únicas ou edições limitadas:

  • Moeda comemorativa dos 50 anos dos Direitos Humanos, avaliada entre R$ 550 e R$ 650;
  • Moeda comemorativa de Juscelino Kubitschek, podendo chegar a R$ 650;
  • Moeda comemorativa dos 50 anos do Banco Central, alcançando até R$ 1350;
  • Moeda “beija-flor”, que celebra 25 anos do Plano Real, com valor estimado em R$ 7 mil.

Para os entusiastas da numismática e para aqueles que apenas descobriram esse fascinante mundo, cada moeda tem uma história a contar e, possivelmente, um valor inestimado a ser explorado.

Veja também:

Quais motivos impedem ou suspendem o usucapião?

Então, da próxima vez que você receber uma moeda de R$ 1, olhe-a com mais atenção, pois ela pode ser um pequeno tesouro escondido.

Imagem: Joa Souza / Shutterstock.com