Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Volta do auxílio emergencial com valores entre R$ 150 e R$ 375 está prestes a sair

Serão quatro parcelas, que devem ir até junho.

0

Estamos passando por uma crise sem precedentes em nossa história. A pandemia está aí e ainda mais intensa. Por isso, o auxílio emergencial deve ter sua volta para que as pessoas pelo menos possam tentar se virar nesse momento grave e preocupante brasileiro. De acordo com o Valor Econômico, os valores podem ir de R$ 150 até R$ 375.

É provável que você também goste:

Credicard revela 5 dicas infalíveis para ser aprovado no cartão de crédito.

Adicional do Auxílio Emergencial no Caixa Tem terá valor de R$ 1.000.

Volta do auxílio emergencial com valores entre R$ 150 e R$ 375 está prestes a sair

Como no ano passado, as mulheres com filhos poderão receber o valor máximo do auxílio, que deve ser de R$ 375. O valor padrão destinado às famílias será de R$ 250 e o valor mínimo (destinado a apenas uma pessoa) é de R$ 150.

4 parcelas

Além disso, a previsão é de que as pessoas recebam até quatro parcelas do benefício. Ou seja, até o mês de junho, o benefício estaria sendo destribuído para a população.

Quando devem começar os pagamentos?

o governo devem começar a pagar os benefícios no dia 18 deste mês para os beneficiários do Bolsa Família. Porém, os demais deverão receber no final do mês.

Os pagamentos serão realizados da mesma forma anterior, ou seja, o governo vai depositar pela poupança social digital da Caixa Econômica Federal, através do Caixa Tem.

É importante mencionar que a Proposta de Emenda Constitucional Emergencial (PEC), que autoriza o pagamento do benefício, o Senado aprovou na quarta-feira (3).

Além disso, o fechamento dos valores e os pré-requisitos para ter direito a receber o novo auxílio deverão constar em uma próxima medida provisória que a Câmara provavelmente publicará em breve.

44 bilhões

O governo vai gastar até R$ 44 bilhões, sendo que a estratégia é de os pagamentos sejam feitos de forma mais eficaz e ainda atingir aproximadamente 46 milhões de famílias que de fato vivem em situação de vulnerabilidade social. Assim, o governo federal vai cortar o auxílio de muita gente que recebeu e não precisava.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então é só seguir o Seu Crédito Digital no YouTubeFacebookTwitter, Instagram, e Twitch. Lembrando que fazemos lives em todas as plataformas, todos os dias, às 20:00h. É só colar lá!

Imagem: Alison Nunes Calazans/Shutterstock.

Comentários
Carregando...