Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Votação sobre novas regras do seguro DPVAT pode acontecer na próxima semana; saiba mais

Novas regras para o seguro DPVAT podem ser votadas na próxima semana. Fique por dentro das possíveis mudanças e seus impactos.

Recentemente, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva apresentou um pedido ao Congresso Nacional para dar urgência à tramitação do Projeto de Lei Complementar (PLC) nº 233/2023. Essa medida visa a criação do Seguro Obrigatório para Proteção de Vítimas de Acidentes de Trânsito (Spvat), que busca substituir o anterior Seguro DPVAT.

O DPVAT, criado em 1974, tem sido uma ferramenta essencial para garantir assistência financeira a vítimas de acidentes de trânsito em território nacional. Este seguro obrigatório oferece coberturas para casos de morte, invalidez permanente e despesas médico-hospitalares em acidentes envolvendo veículos terrestres. A proposta do novo Spvat, semelhante em objetivos, promete melhorias na administração dos recursos e na agilidade dos processos de indenização.

Por que alterar o DPVAT?

Em 2021, a Caixa Econômica Federal assumiu a gestão do DPVAT após a extinção da cobrança que era previamente administrada pela Seguradora Líder – um consórcio de empresas privadas. Com um saldo excedente significativo de aproximadamente R$ 4,3 bilhões, foi possível manter os pagamentos mesmo sem novas arrecadações. Contudo, com o esgotamento deste fundo em novembro último, tornou-se imperativo reestruturar o sistema para assegurar a continuidade do suporte às vítimas.

Imagem de placa do DPVAT.
Imagem: Brastock / shutterstock.com

A reativação da cobrança do seguro obrigatório sob o novo formato Spvat implica que todos os proprietários de veículos deverão contribuir novamente. Esta medida não apenas revigora o fundo destinado às indenizações, mas também garante que a Caixa Econômica Federal possa gerenciar esses recursos com maior eficiência.

Cote seu seguro viagem com a Real Seguro Viagem; saiba mais

Quais os próximos passos?

Espera-se que o Senado Federal priorize as discussões do PLC 233/2023 após o presidente solicitar regime de urgência. A rápida aprovação é crucial para reestabelecer o amparo financeiro às vítimas de trânsito. A questão envolve complexas negociações parlamentares, incluindo emendas e alocações orçamentárias, que são essenciais para o orçamento da União de 2024.

Veja também:

Picanha e camarão mais barato? Veja a promessa do governo

As mudanças propostas para o sistema de seguro obrigatório de trânsito refletem um esforço contínuo para aprimorar a cobertura e assistência às vítimas de acidentes. Com a condução estratégica feita pela Caixa e o apoio do governo, espera-se instaurar uma base sólida para mais uma década de proteção e segurança aos cidadãos brasileiros no trânsito.

Imagem: Brastock / shutterstock.com