Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

A dívida caducou, você recupera o crédito com score alto?

3

Você já deve ter ouvido falar que as dívidas caducam ou prescrevem em 5 anos. Você está negativado? Será que basta deixar a sua dívida e esperar o tempo passar para que você volte a ter crédito no mercado e com um score alto? Infelizmente, não é bem assim. Entenda de uma vez por todas como funciona.

Leia também:

Como funciona o empréstimo sem consulta ao SPC e Serasa da Olé.

3 formas de acumular mais pontos no Nubank Rewards.

Cuidado com a taxa de juros no empréstimo sem consulta ao SPC e Serasa (negativados).

A dívida caducou, você recupera o crédito com score alto?

Prazo prescricional

Todas as dívidas prescrevem, e isso acontece em nome da segurança jurídica, para que as pessoas não fiquem eternamente vinculadas umas à outras por causa de uma dívida. De acordo com o artigo 205 do Código Civil, as dívidas prescrevem em dez anos, mas existem exceções descritas no artigo 206.

Algumas dívidas prescrevem em apenas um ano, como a cobrança de hospedagem e o fato do segurado cobrar de uma seguradora. Em dois anos prescrevem dívidas de pensão alimentícia, e em três anos as oriundas de aluguel. Em cinco anos, prescrevem a maioria das dívidas, como as de cartão de crédito, empréstimos, financiamentos, dívidas bancárias em geral. Por fim, tudo aquilo que não está descrito nas exceções prescrevem em dez anos, como contas de água, luz, telefone e gás.

Sempre pague a sua dívida

Digamos que você pegou um empréstimo pessoal ou deixou de pagar o cartão de crédito, e passaram-se vários meses de inadimplência. Jamais aguarde pela prescrição da dívida. O ideal a fazer é pagar a dívida assim que possível. Justamente pelo fato de que a dívida prescreve, mas a dívida continua existindo na instituição financeira eternamente.

Por isso, o banco e todos os demais parceiros poderão negar crédito a você para sempre. Além disso, a dívida constará como prejuízo no SCR do Banco Central do Brasil, e portanto, toda e qualquer instituição que vier a pesquisar o seu CPF verá o seu histórico de inadimplência e consequentemente irão negar crédito.

Outra situação é sobre o score de crédito. Tão logo a sua dívida prescreva, o seu score vai demorar uma eternidade até que aumente. O seu histórico de mau pagador continuará no SCR e vai demorar pelo menos uns anos até que o seu score fique pelo menos na pontuação média, acima de 300 pontos e até 700.

Venda de dívida

Os bancos não poderão cobrar judicialmente uma dívida prescrita, a não ser que tenham entrado na justiça antes da prescrição da mesma. Entretanto, o que mais frequentemente acontece é a venda de dívidas “podres” a outras empresas. O que acontece com a Ativos SA, que administra e cobra por dívidas antigas de clientes do Banco do Brasil.

Organize as suas finanças

O mais indicado para quem chegou a uma situação de endividamento, o ideal é começar a pensar em se organizar. Por isso, a seguir você confere algumas dicas para resolver o seu problema.

Crie a sua reserva de emergência

Comece a acumular um valor para cobrir eventuais despesas inesperadas, como problemas de saúde, um eventual desemprego, entre outros. Dependendo do seu caso, se você for empregado de carteira assinada, três meses de salário é suficiente. Contudo, se você trabalha como autônomo, pense em acumular pelo menos seis meses. Este dinheiro terá que ser o suficiente para pagar todas as suas despesas fixas. Se por alguma eventualidade você precisar mexer neste dinheiro, terá que repor, para manter permanentemente essa reserva de emergência, com liquidez.

Tente renegociar a dívida

Tendo uma reserva de emergência já formada, entre em contato com os seus credores e tente uma renegociação das dívidas. Obviamente, que se tiver o dinheiro integral para o pagamento a vista, conseguirá um bom desconto. Entretanto, caso não seja possível, somente aceite se você tiver condições de arcar com os pagamentos. Isso porque não adianta nada parcelar e novamente não conseguir honrar.

Aproveite feirões Limpa Nome

O Serasa Experian mantém permanentemente um Feirão Limpa Nome ativo no site. Para isso, basta criar o seu cadastro e procurar por opções disponíveis para o pagamento, que pode ser realizado diretamente aos seus credores. Frequentemente surgem oportunidades em todos os estados do Brasil de eventos semelhantes da Serasa ou do CDL, por exemplo. Fica a dica para aproveitar essas oportunidades.

Considerações finais

Espero que este artigo tenha ajudado algumas pessoas. Entretanto, fica uma última dica. Se o desconto for muito grande nos feirões, desconfie. Entre em contato diretamente com a instituição financeira que originou a dívida e questione se eles removerão eventuais restrições internas do banco. Se isso acontecer, não adianta nada pagar pela dívida, pois você continuará tendo o crédito negado. Faça uma oferta que esteja dentro das suas condições financeiras e que elimine de vez a pendência da sua vida.

Enfim, gostou do artigo?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter, Instagram. Assim, acompanhe notícias sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.