O primeiro pregão de 2019 começou com fortes ganhos em algumas estatais, como Petrobras, Eletrobras e Banco do Brasil. Isso deve-se muito a sinais do novo Governo sobre as privatizações. Entretanto, o que mais surpreendeu foram as ações da Taurus (FJTA3 e FJTA4), com ganhos de até 30% somente hoje, dia 02 de janeiro de 2018.

Ações da Taurus voltam a subir com planos de Jair Bolsonaro

Ao longo do último ano, as ações ordinárias saltaram 180%, e foi considerada a maior alta da Ibovespa no ano. Agora em 2019, o ano começou com uma forte expectativa que o presidente Jair Bolsonaro facilite o acesso às armas no país.

Entretanto, cabe ressaltar que existe a possibilidade de que seja facilitada a entrada de fabricantes estrangeiros no Brasil. A princípio, isso poderia prejudicar a empresa.

No último sábado, Jair Bolsonaro publicou no Twitter os seus planos de garantir através de um decreto a posse de armas de fogo para cidadãos sem antecedentes criminais, bem como garantir o seu registro definitivo. Confira o tweet na íntegra logo a seguir.

Barsi

Outra sinalização de que as ações da Taurus iriam disparar foi o fato do investidor Luiz Barsi ampliou a sua articipação na empresa. Entretanto, agora ele detém uma fatia de 10,33% das ações preferenciais das Forjas Taurus (FJTA4).

Barsi possui neste momento 1.844.600 ações preferenciais da Taurus decorrentes de “múltiplas aquisições”. Este tipo de ações tem prioridade na distribuição de dividendos, e acumulou ganhos de 130,9% ao longo de 2018.

O melhor momento foi durante a corrida presidencial, quando acumulou ganhos de quase 1.000% e chegou a ser considerado um “novo Bitcoin“. Contudo, os movimentos foram considerados como especulativos por analistas de mercado, com base nos elevados prejuízos e endividamentos da companhia.

Gostou da notícia?

Siga-nos em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Acompanhe tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.