Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Afinal, o que é necessário para solicitar aposentadoria proporcional?

Saiba o que é necessário para solicitar a aposentadoria proporcional. Leia mais e veja todos os critérios de solicitação!

A aposentadoria proporcional, embora considerada extinta para muitos, ainda é uma realidade acessível para certos grupos no Brasil, especialmente devido às regras transicionais estabelecidas pelas reformas previdenciárias ao longo dos anos. Neste artigo, vamos detalhar quem ainda pode solicitar este tipo de aposentadoria e como os procedimentos variam dependendo do regime previdenciário.

Antes de avançar, é fundamental compreender o que é a aposentadoria proporcional. Trata-se de um tipo de aposentadoria que permite ao trabalhador se retirar mais cedo, porém com um valor reduzido do benefício, calculado com base nos anos de contribuição. Este formato era comum antes das recentes reformas da Previdência.

Quem ainda tem direito à aposentadoria proporcional?

Segundo as normas estabelecidas pela reforma previdenciária de 1998, os trabalhadores que já contribuíam para o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) antes de 16 de dezembro de 1998 ainda podem solicitar a aposentadoria proporcional. No entanto, é exigido que paguem um “pedágio”, que corresponde a 40% do tempo que faltava para atingir a contribuição mínima naquele ano.

Senhora olhando para um computador aberto em uma mesa, onde há também cadernos e uma xícara. aposentadoria
Imagem: Ground Picture / Shutterstock.com

Para os servidores públicos, a situação é um pouco diferente. Com a reforma da Previdência de 2019, a opção pela aposentadoria proporcional foi eliminada para novos servidores. Contudo, aqueles que preenchiam os requisitos necessários até 13 de novembro de 2019 ainda podem requerer o benefício graças ao princípio do direito adquirido.

Regimes Próprios de Previdência Social (RPPS)

É importante destacar que a aplicação das regras pode variar significativamente para aqueles submetidos aos Regimes Próprios de Previdência Social (RPPS) de determinados estados ou municípios. Nem todos estes regimes adotaram as modificações propostas pelas reformas da Previdência de maneira homogênea, o que significa que, em certos estados e municípios, o direito à aposentadoria proporcional ainda pode ser concedido, dependendo da legislação local vigente.

Veja também:

Nova linha de crédito EXCLUSIVA para MEIs; veja se pode aproveitar

Considere os riscos de golpes e fraudes

  • Verifique sempre a autenticidade das fontes antes de fornecer dados pessoais.
  • Desconfie de ofertas milagrosas que prometem acelerar o processo de aposentadoria em troca de pagamento.
  • Consulte um advogado especializado em Direito Previdenciário para obter orientações seguras.

Com a complexidade das leis previdenciárias e as frequentes mudanças nas regras de aposentadoria, manter-se bem informado é a melhor estratégia para garantir seus direitos. A aposentadoria proporcional, embora limitada, ainda é uma opção para alguns, e compreender as especificidades deste benefício é crucial.

Imagem: Ground Picture / Shutterstock.com